terça-feira, 18 de janeiro de 2005

NA CIDADE DE ABRANTES, ACONTECE...

Abrantes Homenageia Maria de Lourdes Pintasilgo

A Câmara de Abrantes inicia hoje um conjunto de homenagens, que se prolongarão até ao dia 29, em memória de Maria de Lourdes Pintasilgo, a primeira mulher chefe de um Governo em Portugal e também a primeira candidata ao cargo de Presidente da República.
Falecida em 10 de Julho do ano passado, depois de uma vida intensa ligada à política, à cultura e sobretudo às diversas intervenções de carácter social e cívico que protagonizou, Maria de Lourdes Pintasilgo nasceu precisamente a 18 de Janeiro de 1930 numa casa de Abrantes, onde hoje às 11 horas será colocada uma lápide em sua memória.

Hoje também, às 18 horas, na Biblioteca António Botto, será inaugurada a exposição Memória Viva de Maria de Lourdes Pintasilgo. Esta exposição integra livros, recortes de jornais, fotografias e outros objectos pessoais da ex-primeira ministra dos finais da década de 1970, a par de algumas das suas mais significativas memórias audiovisuais.

Além de uma palestra promovida amanhã, às 15h00, na Santa Casa da Misericórdia, por alguns alunos da Universidade da Terceira Idade de Abrantes, haverá nos dias 20 e 21 sessões de divulgação da personalidade e das ideias da homenageada nas escolas secundárias da cidade.

A sessão pública dedicada à ilustre mulher de Abrantes e do mundo terá lugar sábado a partir das 15h00 no Cine-Teatro São Pedro, com a presença de várias personalidades ligadas à vida política, social e cultural do país, estando já confirmadas as presenças de António Victorino d'Almeida, Miguel Portas, Maria José Nogueira Pinto, Luís Moita, Alves Jana e do coronel Victor Alves.

Etiquetas:

1 Comments:

At 18 de janeiro de 2005 às 13:59, Blogger Zé da Galinha said...

Conheci esta "Grande Senhora" em Paris, quando da sua carreira junto da UNESCO.
Naturais de concelhos vizinhos, nasceu entre nós uma longa amizade que durou até à sua morte.
Mulher de "Armas", colaborei com ela em vários projectos e campanhas.
A primeira em que acompanhei foi a campanha eleitoral de um amigo comum o General Eanes à Presidência da República, por mero acaso participei nas acções do concelho de Ponte de Sor, com a Maria de Lurdes.
É assim que se dá valor aqueles que o merecem.
A MARIA DE LURDES PINTASILGO, ESTARÁ SEMPRE VIVA NA MEMÓRIA DAQUELES QUE AMAM A DEMOCRACIA E A LIBERDADE.

Olha o Século, o Diário de Notícias, o Novidades.
Olha o República.

 

Enviar um comentário

<< Home