terça-feira, 19 de abril de 2005

JÁ HÁ PEDRADAS EM TODAS AS DIRECÇÕES

Taveira Pinto
responsabiliza
Miranda Calha
pelo atraso do distrito


A responsabilidade do atraso de Portalegre é das pessoas de Portalegre”, sublinha a dado passo da conversa o autarca Taveira Pinto, que acrescenta mesmo quegrande parte dessa responsabilidade é de Miranda Calha”, seu colega de partido.
É que Miranda Calha “é há 30 anos o rosto político” do distrito e “deveria ter levado outros para Lisboa, criando um lóbi a favor do distrito, como Évora fez”, mas “em Portalegre há um deserto à volta de Miranda Calha, e depois é o que é”, acusa o socialista presidente da Câmara de Ponte de Sor e presidente da Associação de Municípios do Norte Alentejano.

In:http://www.jornalfontenova.com/1253/regional7.htm

10 Comments:

At 19 de abril de 2005 às 11:41, Anonymous O Portalegrense said...

Vozes de burro não chegam ao céu

 
At 19 de abril de 2005 às 11:57, Anonymous Anónimo said...

O taveira esta resabiado de nao ter ido para o governo civil.....

 
At 19 de abril de 2005 às 12:07, Anonymous Anónimo said...

Todos os Homens honestos mataram César.

A alguns faltou arte, a outros coragem e a outros oportunidade mas a nenhum faltou a vontade

Cicero

 
At 19 de abril de 2005 às 12:21, Anonymous Miguel Veiga said...

Será que o rei vai nu?!...
Após mais de 12 anos de promessas e embustes, finalmente a cajadada.

Se por competência se entender a aptidão para realizar um conjunto de medidas e acções previamente delineadas e programadas, teremos de concluir, em função dos resultados, que alguém a quem foram entregues os destinos da cidade é incompetente.
Incompetência não é ofensa.
Ofensa é denunciar a incompetência...

Se por transparência entendermos o conjunto de decisões e procedimentos públicos efectuados com clareza e cabal conhecimento dos cidadãos de uma comunidade, então somos obrigados a concluir que alguém na gestão municipal fomenta a falta de transparência, a obscuridade e a opacidade.
Falta de tranparência, obscuridade e opacidade não é ofensa.
Ofensa é denunciar a falta de transparência...

Se por estratégia entendermos um conjunto coerente e encadeado de actividades orientadas e direccionadas com o objectivo de realização de projectos, planos e propostas, então teremos de concluir que alguém que governa os nossos destinos não mostra ter qualquer estratégia global e consequente de construção e desenvolvimento da cidade.
Falta de estratégia não é ofensa.
Ofensa e calúnia é denunciar a ausência de estratégia...

Se por fraude consideramos o incumprimento de promessas e compromissos assumidos, somos forçados a concluir que quem governa a cidade é uma fraude.
Fraude não é ofensa.
Ofensa e calúnia é denunciar a fraude...

E só não transparece mais a incompetência, a opacidade, a ausência de estratégia e a fraude porque o presidente é competente a falar. Mérito dele. E isso de alguma maneira embaça a percepção de quanto a coisa faz que anda mas não anda.

Apesar disso, já se começam a ouvir nos murmúrios da cidade que o rei vai nu.
Será?...

 
At 19 de abril de 2005 às 12:44, Anonymous A.Borges said...

«...está a ser negociado com “uma poderosa instituição” a instalação de uma unidade turística de cinco estrelas na área da barragem de Montargil, num investimento de “alguns milhões” e que poderá criar cerca de “450 postos de trabalho”.»
AFIRMA O Dr.TAVEIRA PINTO AO "FONTE NOVA".
-TENHA VERGONHA DE DIZER TANTAS MENTIRAS.
-COMO É POSSÍVEL DO PONTO DE VISTA ECONÓMICO CONSTRUIR NA BARRAGEM DE MONTARGIL UMA UNIDADE TURÍSTICA QUE TENHA 450 POSTOS DE TRABALHO?

 
At 19 de abril de 2005 às 15:01, Anonymous Maria Antónia Ferreira said...

...«presidente de Câmara e pertence seguramente ao grupo dos que já perderam uma fortuna com a política...»
Coitado depois de sair da Câmara Municipal, ainda fica todos os domingos à saída da missa a pedir esmola

 
At 21 de abril de 2005 às 11:38, Anonymous ZÉ MERDA said...

MAIS UMA ENTREVISTA....MAIS UMAS BALELAS...JÁ NINGUÉM ACREDITA

Felizmente ainda não me foi possível tomar conhecimento sobre a última entrevista do Dr. Pinto ao Jornal FonteNova....Não deve ter nada demais para além do que estamos abituados. No entanto tomei conhecimento pelos Blogs cá da terra de alguns pormenores e para já só vou comentar um pouco a questão do empreendimento a instalar na Barragem de Montargil.
Eu até acredito que vai avante o empreendimento ....e em grande escala...já o previa...é que esse mesmo empreendimento (que deve ter fortes ligações ao Pintinho) vai contemplar certamente (pela dimensão apresentada) as 200 camas passiveis de ser instaladas em toda a barragem...assim se cria um pequeno monopólio sem concorrência....quanto ao numero de postos de trabalho acalmem-se, não são 450....são 45 e devem ser os que vão perder o emprego saídos da "Delphi" ou que sazonalmente serão libertos daqueles armazens de cortiça que estão ali na Zona Industrial.
Até breve....

 
At 21 de abril de 2005 às 13:29, Anonymous Anónimo said...

«Médico e estomatologista, auferia o mesmo vencimento que a esposa, também médica, antes de entrar para a Câmara. Hoje “a minha mulher ganha mais 300 contos do que eu”, confessa quem juntava ao vencimento mensal mais cerca de 50 contos por dia com o seu trabalho no consultório particular antes de ser o presidente da Câmara de Ponte de Sor.»
Que o Taveira Pinto é Médico todos sabemos, agora "estomatologista", onde tirou a especialidade, em que Faculdade de Medicina?
Alguem sabe?

 
At 21 de abril de 2005 às 13:41, Anonymous Jose Rafael said...

Coitado está liso, só tem perdido dinheiro a fazer politica, por isso vai ser candidato a outro mandato em Outubro de 2005.

 
At 21 de abril de 2005 às 14:56, Anonymous PP said...

Sim, toda a reportagem toma contornos interessantes, com que então vem uma nova linha de Airbags para a Delphi? Gostava de ver isso!

 

Enviar um comentário

<< Home