segunda-feira, 14 de fevereiro de 2005

IRMÃ LÚCIA FOREVER!




A nossa mais lucrativa atracção turística (do sub-sector turísmo religioso), finou-se ontem a 13, como não podia deixar de ser. Á família os nossos sentimentos também de gratidão.
A Irmã Lúcia é uma das responsáveis pelo fenómeno de Fátima.
Num país onde a produtividade diminui, Fátima é um milagre económico sem igual!

Com a morte da Irmã Lúcia, Fátima deixa de ser um fenómeno contemporâneo.
Presságio do próximo quadro comunitário ? perguntamos? como se relaciona com a saúde actual do Santo Podre? enfim, estas questões que nos transcendem...

A morte Irmã serve de pretexto aos líderes políticos com fraco discurso para suspenderem a campanha, passando uma ideia difusa de consternação, à falta de melhor palavra, para os milhões de católicos portugueses. Marketing político. De quem de facto tem pouco para dizer.

Ora Ponte de Sôr sente-se revoltada com ultrajante maneira de usar despudoradamente a nossa Irmã Lúcia e a Igreja Católica.
Uma Pontessorense

19 Comments:

At 14 de fevereiro de 2005 às 11:23, Anonymous Luis Rodrigues said...

Que grande país é Portugal!
Amanhã até foi decretado luto nacional bela beata Lúcia.
Vimos alguns políticos cá do burgo armados em "putas arrependidas", com ar carregados armados em bons católicos.
É só pose para a fotografia.

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 12:38, Anonymous ATEU said...

A Irmã Maria Lúcia de Jesus e do Imaculado Coração de Maria, ou Lúcia, simplesmente, faleceu hoje, inevitavelmente num dia 13, aos 97 anos.
A afamada vidente cuja ocupação principal era a oração entregou a alma ao criador. Desconhecia a popularidade que granjeara fora do convento e tinha do mundo a visão que a madre superiora e os sucessivos directores espirituais lhe impingiram.
Nascida a 22 de Março de 1907 no lugar de Aljustrel foi muito precoce a receber o primeiro sacramento, ao 8.º dia, livrando-se da chatice do Limbo graças à água benta e às rezas.

Foi escolhida para fazer recados à Senhora de Fátima, que a visitou várias vezes. «Em reconhecimento, a Senhora voltou a aparecer-lhe em 26-08-1923, no Asilo de Vilar, Porto; 10-XII- 1925, em Pontevedra, Espanha,(revelação dos primeiros sábados); 13 de Junho de 1929, em Tuy, Espanha, (Nossa Senhora pede a consagração da Rússia). Em fins de Dezembro de 1927, a Irmã Lúcia escreve a descrição da Aparição do Menino Jesus que teve lugar em Pontevedra, no dia 15 de Fevereiro de 1926» ? lê-se na biografia oficial.

Ainda criança, visitou o Inferno com uma bolsa de estudo que a senhora de Fátima lhe deu para, entre outras coisas de estarrecer, lhe mostrar um republicano de Vila Nova de Ourém que não ia à missa. De todas estas verdades deu conta aos pecadores e só não acreditou quem não quis.

Adversária do divórcio e da mini-saia, a cuja moda nunca aderiu, escreveu a Marcelo Caetano a pedir a sua proibição. Morreu solteira e virgem, características que, a partir de agora, lhe auguram uma fulgurante carreira de santidade.
A ICAR não concedeu a exclusividade dos direitos de transmissão da sua morte a nenhum dos vários canais televisivos interessados.

A carta de 24/02/1971 da Irmã Maria Lúcia de Jesus e do Coração Imaculado, vidente de Fátima, cuja longevidade lhe atrasou a carreira de santidade, a apelar ao Prof. Marcelo Caetano para que a lei do divórcio fosse abolida do Código Civil, não obteve resultados práticos.

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 13:03, Anonymous Uma beata de SG said...

...«Por ter sido escolhida para tão nobre tarefa, as autoridades religiosas decidiram que Lúcia, ainda criança, passaria o resto da sua vida em reclusão, afastada das nefastas influências do mundo.
A sua pena de prisão perpétua durou, assim, 87 anos.»

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 13:18, Anonymous Um cidadão said...

O antigo bispo de Setúbal D. Manuel Martins acusou hoje os partidos de «oportunismo político» por interromperem a campanha eleitoral devido à morte da Irmã Lúcia.

«Não fiquei nada contente nem convencido da sinceridade no tocante à suspensão de actividades políticas», afirmou D. Manuel Martins à TSF, defendendo que «a campanha eleitoral devia continuar».

«Estas campanhas são ou não para elucidar o povo português?» perguntou o bispo resignatário. «Solidariedade política num período como este? Temos toda a legitimidade de pensar menos bem», disse D. Manuel Martins referindo- se ao cancelamento das actividades de campanha por parte da maioria dos partidos.

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 14:03, Anonymous O Diabo said...

Luto nacional?
4 missas?
Morreu, e depois?
Voltamos a Salazar?

O último dos três "pilares" da ortodoxa cumplicidade de António de Oliveira Salazar e o Cardeal Cerejeira para que o Lema:
...Deus, Pátria e Família dominasse durante duas gerações o Povo mais inculto da Europa, morreu!
Hoje só aparecem fundamentalistas "carpideiras" a carpirem a sua "dor"!
Que Felicidade sermos dominados pela Igreja católica durante tanto tempo, aonde muitos padres eram "bufos" da PIDE/DGS.
Esse "mistico" logro colossal que foi o "aparecimento" em Fátima de alguém que nunca existiu, "visto" por "videntes" que nem sabiam ler, é por demais ridículo para se levar a sério!
Claro, comercialmente foi e continua a ser um negócio bem chorudo, que dá de "comer" a muita e boa gente oportunista.
Luto nacional? Ridiculo!
São os politicos a tentarem "puxar" o votos dos fundamentalistas catolicos!
Oportunismo politico no seu melhor!

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 16:24, Anonymous Anamnéstico said...

Morreu em paz a Irmã Lúcia.
Era vidente.
Dizem que adivinhou o fim do maléfico poderio da Rússia, mas não se pronunciou quanto à culpa da Alemanha Nazi na eclosão da Segunda Grande Guerra.
O PSD e o CDS santificaram a sua campanha eleitoral, cancelando as suas acções de campanha profanas. O Primeiro-Ministro decretou dia de luto nacional.
No mesmo dia, foi assassinada a missionária americana Dorothy Stangdefesa, naturalizada brasileira.
Defendia há mais de 20 anos os trabalhadores rurais e o ambiente na Amazónia contra a invasão das empresas madeireiras.
Kofi Annan ainda não decretou dia de luto mundial.

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 16:51, Anonymous Zeca said...

O cinismo, a hipocrisia e a falta de escrúpulos que alguns dirigentes políticos empregam no dia-a-dia da vida dos partidos que governam, há que dizê-lo: provocam a mais profunda repulsa em qualquer pessoa minimamente séria. A forma desonesta e vil com que se aproveitam de certas situações para "levar a água ao seu moínho" ( os votos e as simpatias no caso ) assim que a oportunidade surge, é como acima disse, de uma baixeza tão reles e de "uma lata" tão grande que é capaz de fazer corar de vergonha um profissional do conto do vigário. Depois admirem-se que os cidadãos se desliguem cada vez mais da política e os níveis de abstenção subam em catadupa eleição após eleição, Pudera!
Serve o intróito para manifestar o meu ( e naturalmente o de muitos ) mais vil repúdio pelo aproveitamento ardiloso, manhoso e mafioso que o P.P. e o P.S.D. estão a fazer da morte de Lúcia Marto, a última vidente de Fátima.
Interromper a campanha eleitoral fingindo-se muito comovidos com o drama da morte da vidente, cai muito bem no seio dos eleitores mais humildes e puros, que nunca sonharão desconfiar dos verdadeiros intentos destes crocodilos chorosos. Mais: Esta gente boa e humilde ainda lhes rezará dois "Pai-Nossos" e três "Avé-Marias" e - o que interessa na realidade aos safados -também lhes dará o seu voto no dia das eleições como paga de tanta devoção cristã.
Ah, seus canalhas! Se vocês acreditassem realmente em Deus e houvesse Céu e Inferno, não praticarieis nunca acções deste calibre de falsidade, sabendo de antemão que correrieis o risco de ir parar direitinhos à casa de Belzebú, e aí, terdes de correr eternamente à frente de um qualquer diabinho obstinado a espetar-vos o tridente mil vezes no sítio onde as costas mudam de nome.

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 21:33, Anonymous Anónimo said...

Que tristeza e pobreza de espirito por aqui vai. Que falta de respeito pelo próximo e que falta de democracia. Respeito é o que vos falta e ao povo portugues em geral. Deve ser das poucas coisas boas que vos ensinou o Dr. Oliveira Salazar, mas o portugues, povo burro e estupido não quis aprender nem quer lembrar. Anarquia, desrespeito, inveja, mesquinhês, pouca vontade de pensar e evoluir, é o que caracteriza este povo já quase desconhecido. Triste é lêr o que li aqui sobre a campanha politica e o falecimento de um "icone" do nosso país. Goste-se ou não é a verdade. Aproveitarem-se até disso pra criticar o PSD e o CDS é pobre demais. Não li nada disto a semana passada com o dia sem campanha por falecimento da 3ª ou 4ª figura da hierarquia politica do nosso país. Começo a acreditar que o PS, CDU e BE estão mesmo com medo de uma vitória do PSD. Ou será simplesmente a pequenez deste povo que tanto gosta de andar com "entrolhos" porque não quer aprender nem trabalhar!? É mais facil andar sempre á roda do que aprender um caminho diferente mesmo que seja melhor, é mais facil é verdade!
Mas não nos preocupê-mos depois de "Lúcia" já arranjámos pra nos representar no mundo, o Rei da bola, José Mourinho. Ou o Senhor televisão, o Mr Carlos Cruz...e muitos outros. É isto que merecemos povo. Venha o PS então que esta gente precisa de subsidios pra tudo e mais alguma coisa, pois trabalhar não é conosco. Como estamos todos a ficar pobres o PS vai arranjar mais subsidios....e a gente descansa mais uns tempos. Quem se preocupa com o fim da torneira de bruxelas? Seremos cada vez mais pobres e "pedirêmos" nas ruas da Europa para comer. Haverá sempre quem nos dê esmola?

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 21:49, Anonymous Anónimo said...

Só falta dizerem que tambem foi o tonto do Santana Lopes que decidiu que Lúcia falecería num dia 13 mas que teria de ser durante a campanha eleitoral. Meus amigos o que infelizmente me parece é que o PS não é alternativa pra nada. Oiço o Santana Lopes apregoar que faz e que acontece desta e daquela maneira. Até pode fazer. Oiço o BE e a CDU dizer que não vai deixar fazer isto ou aquilo assim e assado. Só não oiço o PS dizer nada. Nem o que não faz. Não assume nada, não garante nada. Não sabe se poderá fazer. Até o Choque tecnológico já não o é, passou a ser um incentivo á modernização tecnológica (palavras do Eng. Socrates). Ao contrário do Eng. Guterres que só dialogava e nada fazia, ou fazia o que todos sabemos, Sócrates não quer falar de nada pra não se comprometer com nada nem ninguem. Quem nada promete nada tem a cumprir é verdade. Mas é isto que Portugal quer? Eu não sinceramente. Prefiro um Santana Lopes que apesar de, como muitos acusam, estar a endividar o país mas que FAZ alguma coisa que se veja pelo país como fez á Camara da Figueira conhecida e implulsionada no mundo, do que um Socrates que venha dar (estragar) dinheiro a "quem precisa", aos que estão desempregados, aos que não querem trabalhar, aos que trabalham sem dar contas ao fisco e recebe o rendimento minimo.....não precisamos que nos dêem mais subsidios. Não os sabemos aproveitar nem investir. Não dêem mais. Só assim o povo precisará de trabalhar e aí a necessidade fará concerteza o engenho.

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 22:25, Anonymous Anónimo said...

GANHEM JUÍZO, SENHORES!
OIÇAM O ANTIGO BISPO DE SETÚBAL!
VEJAM A NATURALIDADE DA IGREJA CATÓLICA PERANTE O FACTO: A IRMÃ LÚCIA ERA SIMPLES E HUMILDE...

NÃO GOSTARIA NADA QUE O HIPÓCRITA DO DR. SANTANA LOPES - DE MORAL POUCO CATÓLICA - SE APROVEITASSE PARA CURAR A PERSISTENTE FARINGITE.

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 22:42, Anonymous Anónimo said...

Senhor anónimo
´
O seu ícone era o ícone do salazar. Pela sua conversa terá certamente saudades daqueles tempos onde a sardinha era para três, onde só alguns podiam ir à escola, onde a electricidade e a agua em casa era só para alguns. è verdade que ainda temos muito caminho a percorrere, mas tenha um pouco mais de respeito pelo povo.

Ninguém merece um santana Lopes. Armado a queque. Gente fina, que goza com o dinheiro público. No estádo de desgoverno a que chegamos é muito fácil tentar isolar culpados. Os culpados somos todos nós. Que votamos engodados em promessas. E porque temos memória curta. Tal como o senhor, que ou pertence a uma classe que se serviu do estado novo, ou então de facto está desmemoriado.

Fátima foi apenas mais um pretexto para iludir o povo, tão simples, tão básico.

a irmã lúcia hoje sabia-o. Porventura este era mesmo o 3º segredo. Que tudo não passou de uma pantomina muitíssimo apoiada pela igreja. As sopas de cavalo cansado também podem ter dado uma ajuda.

senhor anónimo, não seja facioso. O Santana Lopes pouco ou nada tem a ver com o PSD, do qual sou militante.

Tenho vergonha do partido e por isso vou-me abster nas próximas eleições.

 
At 14 de fevereiro de 2005 às 22:42, Anonymous Anónimo said...

Senhor anónimo
´
O seu ícone era o ícone do salazar. Pela sua conversa terá certamente saudades daqueles tempos onde a sardinha era para três, onde só alguns podiam ir à escola, onde a electricidade e a agua em casa era só para alguns. è verdade que ainda temos muito caminho a percorrere, mas tenha um pouco mais de respeito pelo povo.

Ninguém merece um santana Lopes. Armado a queque. Gente fina, que goza com o dinheiro público. No estádo de desgoverno a que chegamos é muito fácil tentar isolar culpados. Os culpados somos todos nós. Que votamos engodados em promessas. E porque temos memória curta. Tal como o senhor, que ou pertence a uma classe que se serviu do estado novo, ou então de facto está desmemoriado.

Fátima foi apenas mais um pretexto para iludir o povo, tão simples, tão básico.

a irmã lúcia hoje sabia-o. Porventura este era mesmo o 3º segredo. Que tudo não passou de uma pantomina muitíssimo apoiada pela igreja. As sopas de cavalo cansado também podem ter dado uma ajuda.

senhor anónimo, não seja facioso. O Santana Lopes pouco ou nada tem a ver com o PSD, do qual sou militante.

Tenho vergonha do partido e por isso vou-me abster nas próximas eleições.

 
At 15 de fevereiro de 2005 às 01:05, Anonymous Anónimo said...

Caro amigo o Sr. enganou-se mais uma vez. Não sou de saudozismos muito menos daquelsenhor. Referi apenas que dele o povo (e eu sou do povo) só aprendeu a respeitar (nem que fosse á força) e disso digo-lhe que tenho pena que o não tenhamos aprendido. Penso em quantos novos casais têm pavor de pensar em ter filhos so pelo facto de não haver segurança, de verem delinquência nas salas de aula com alunos a bater em professores, violações dentro das escolas (e tudo isto existe cá na terra amigo), não falo de mais nada desse tempo senão disto respeitosamente. Repare que apreciu a liberdade. Especialmente a do próximo. Respeito a liberdade do proximo. A intimidação de que somos alvo diariamente (e noturnamente cá na terra) por jovens delinquentes não o preocupa? A mim sim e bastante. Tenho saudades do tempo em que nesta terra se podia deixar o carro destrancado á porta de casa. Lembra-se? Hoje não o faz certamente. E tudo por causa do desenvolvimento insustentado do governo PS e desta autarquia. Senão repare quem proporcionou tantas facilidades ao endividamento com o passar de palavra de que o país ía bem, com uma optima economia e sem desemprego. Assim o fizeram ao povo e assim o fizeram aos autarcas da mesma cor. Sabe do que se passa em Ponte de Sor? Repare quantas centenas de milhares de euros e contos foram "dados" a supostos empreendedores sem regra nem peso nem medida só pra reduzir o desemprego juntamente com os empregos temporarios na camara, na conservatoria, no notario, etc. etc. Repare desses financiamentos para criar postos de trabalho (lojas de pequeno comercio) em Ponte de Sor ainda permanecem abertos e desses quantos de boa saúde? As cerca de 20 lojas ou empresas que cá existia há 15 anos continuam a ser as mesmas e unicas que se mantêm de malhor ou pior saude. Mas lá vão porque foram criadas com o suor dos que lhes deram vida com o seu dinheiro e sem subsidios pra coisa alguma. É este o desemvolvimento de Ponte de Sor e do país com o PS. Solidariedade!!!! Solidariedade não é dar dinheiro a toda a gente desta forma. É obrigá-los a pensar e com dificuldades criar alguma coisa. Não têm que ser todos patrões do seu proprio negócio. Passa-se o mesmo na construção quer no país como por cá. Temos tantos pseido-constructores como cafés. E se esta terra tem cafés (estabelecimentos). Não se aposta na qualidade. Qualquer pedreiro ao fim de meia duzia de anos é constructor. Mesmo sabendo o mesmo que na altura em que era servente. Mas sabe inflacionar o mercado ó se sabem. Hoje pavoneiam-se por aí com bons carros, bons casacos, etc. e alguns ainda aparecem com a bandeira do comunismo meio a aparecer dum bolso das calças sem qualquer vergonha. Nem têm que a ter pois para isso tinha que entender o que são ideologias, entende-las para poderem praticá-las.
Agora repare, não sou apoiante do Sr. Santana mas de pessoas para formarem um governo como a Dra. Ferreira Leite ou o Dr. Bagão Felix que apavoraram os que mais roubam. Sim os construtores. São o indicador de crescimento ou não do nosso país. Imagina no tempo da Dra. F. Leite quantas centenas de milhares de contos entraram nas finanças em Ponte de Sor pelas fiscalizações que a senhora mandou pra rua? Entrou mais dinheiro do que nos ultimos 20 anos nesta repartição de finanças. Ja deve ter ouvido falar do assunto por cá!! Esse dinheiro é natural que ajude a equilibrar algum defice ou pra aumentar reformas, etc etc. E por aqui continuava. Um abraço respeitoso de um simpatizante do seu partido. E digo simpatizante, cá na terra, porque não temos estado nada bem representados. Pode ser que mude!? Vamos votar para o governo não para um gajo qualquer que vai ser o 1º ministro. Esse sozinho não é nada. Até pode ser o Santana desde que bem acompanhado. Sozinho ninguem consegue nada. A não ser com o PS a subsidiar.

 
At 15 de fevereiro de 2005 às 02:07, Anonymous Anónimo said...

Concordo plenamente consigo.Estes comunistas que sao de Ponte de Sor passam uma vida de ricos a gozar com a desgraça dos pobres. Vou dar exemplos:
Onde caça o Sr jose Amante? Numa reserva de elite feita apenas para os ricos ( calatrava)
Um ex vereador dele que agora è presidente de uma junta muito rica, quantas herdades ja comprou e em que nome ele as meteu?
Que tem feito um senhor de montargil na junta de freguesia para salvaguardar os interesses dos montargilenses?
Pilhas de cortiça que desaparecem sem deixar rasto a favor da festa do avante...
Ate no vale de açor o presidente da junta vai mudar-se pro PS porque ja ta farto dessa gente rasca...sai da merda e mete-se no cagalhao. Que CDU é esta? Será o partido dos pobres? Ou dos pobres coitados que sao enganados consecutivamente por estes comunas fascistas que so pensam em roubar o dinheiro dos pobres?
Sou de Ponte de Sor e tenho pena que esta escumalha continue a desgovernar o Concelho. Nao gosto do PS mas a CDU nem ve-los. E nisso concordo com o taveira Pinto. È preciso irradicar esses verbos de encher do mapa. Queremos pessoas honestas, Capazes de fazer mais e melhor pelo concelho.
Se o Taveira Pinto ler este Blog (DUVIDO) faço um alerta. Faça acordos eleitorais com O BE PP PSD PPM ETC mas ajude o concelho a livrar-se de vez destes hipocritas...

 
At 15 de fevereiro de 2005 às 23:23, Anonymous Anónimo said...

Caro amigo, obrigado por concordar comigo. Mas esqueça por momentos as cores politicas. Deixe lá as caçadas do Sr. J. Amante ou das herdades seja de quem for. Ou então acuse mas prove.
Devo dizer-lhe que conheço gente competente e honesta em todos os quadrantes politicos. E isso não é excepção na CDU nem em nenhum outro partido qualquer. Mas olhe que por este e por outros blog's ca da terra ainda nunca li nenhuma declaração que se precebe sentida de gente que conhece a pessoa, sobre o Dr. Pinto como tenho lido do Sr. J. Amante. Só se ouve dizer que fez e roubou e aconteceu mas ninguem mostra nada de provas como as que apareceram (da P.J. por exemplo)sobre o Dr. Pinto e o Sr. Carita. Não estou com istas palavras a defender ninguem. Mas para existir verdade e credibilidade tem que haver provas.
Volto a dizer-lhe que não gosto nem partilho as ideologias fundamentalistas do Comunismo. Não de todo. Gosto da verdade.

 
At 15 de fevereiro de 2005 às 23:23, Anonymous Anónimo said...

Caro amigo, obrigado por concordar comigo. Mas esqueça por momentos as cores politicas. Deixe lá as caçadas do Sr. J. Amante ou das herdades seja de quem for. Ou então acuse mas prove.
Devo dizer-lhe que conheço gente competente e honesta em todos os quadrantes politicos. E isso não é excepção na CDU nem em nenhum outro partido qualquer. Mas olhe que por este e por outros blog's ca da terra ainda nunca li nenhuma declaração que se precebe sentida de gente que conhece a pessoa, sobre o Dr. Pinto como tenho lido do Sr. J. Amante. Só se ouve dizer que fez e roubou e aconteceu mas ninguem mostra nada de provas como as que apareceram (da P.J. por exemplo)sobre o Dr. Pinto e o Sr. Carita. Não estou com estas palavras a defender ninguem. Mas para existir verdade e credibilidade tem que haver provas.
Volto a dizer-lhe que não gosto nem partilho as ideologias fundamentalistas do Comunismo. Não de todo. Gosto da verdade.

 
At 15 de fevereiro de 2005 às 23:23, Anonymous Anónimo said...

Caro amigo, obrigado por concordar comigo. Mas esqueça por momentos as cores politicas. Deixe lá as caçadas do Sr. J. Amante ou das herdades seja de quem for. Ou então acuse mas prove.
Devo dizer-lhe que conheço gente competente e honesta em todos os quadrantes politicos. E isso não é excepção na CDU nem em nenhum outro partido qualquer. Mas olhe que por este e por outros blog's ca da terra ainda nunca li nenhuma declaração que se precebe sentida de gente que conhece a pessoa, sobre o Dr. Pinto como tenho lido do Sr. J. Amante. Só se ouve dizer que fez e roubou e aconteceu mas ninguem mostra nada de provas como as que apareceram (da P.J. por exemplo)sobre o Dr. Pinto e o Sr. Carita. Não estou com estas palavras a defender ninguem. Mas para existir verdade e credibilidade tem que haver provas.
Volto a dizer-lhe que não gosto nem partilho as ideologias fundamentalistas do Comunismo. Não de todo. Gosto da verdade.

 
At 15 de fevereiro de 2005 às 23:29, Anonymous Anónimo said...

Caro amigo, obrigado por concordar comigo. Mas esqueça por momentos as cores politicas. Deixe lá as caçadas do Sr. J. Amante ou das herdades seja de quem for. Ou então acuse mas prove. Isso parece mais inveja do que outra coisa.
Devo dizer-lhe que conheço gente competente e honesta em todos os quadrantes politicos. E isso não é excepção na CDU nem em nenhum outro partido qualquer. Mas olhe que por este e por outros blog's ca da terra ainda nunca li nenhuma declaração que se precebe sentida de gente que conhece a pessoa, sobre o Dr. Pinto como tenho lido do Sr. J. Amante e do filho dele. Só se ouve dizer que fez e roubou e aconteceu mas ninguem mostra nada de provas como as que apareceram (da P.J. por exemplo)sobre o Dr. Pinto e o Sr. Carita. Não estou com estas palavras a defender ninguem. Mas para existir verdade e credibilidade tem que haver provas.
Volto a dizer-lhe que não gosto nem partilho as ideologias fundamentalistas do Comunismo. Não de todo. Gosto da verdade.
Mais, nas proximas eleições vamos votar para formar um governo e não apenas para eleger o 1º ministro. Como o nome indica é só o primeiro de um grupo. Nem sequer é o mais importante garanto-lhe. Não quero ver de novo os companheiros do eng. Guterres a governar. São os mesmos que se estão a preparar para ir pra la. Os mesmos que deixaram (abandonaram) o barco no estado em que todos sabemos.
O actual governo demicionario (não é o PSD atenção)só não conseguiu vencer a televisão, os jornais e os meiios de comunicação impestados de gente sem escrupulos. Acredito que fariam melhor se lhe tivessemos dado mais tempo. Acredito em algumas pessoas que la estavam (não em todas ok!?).

 
At 16 de fevereiro de 2005 às 00:19, Anonymous Anónimo said...

So quero fazer um reparo. Nao falo do Pinto e do Carita porque o ze da Ponte ja disse tudo. Toda a gente sabe o tipo de gente que eles sao....corruptos e ordinarios.
So é pena que falem tanto deles e ninguem consiga senta-los no banco do tribunal. enfim ... Força Ponte de Sor

 

Enviar um comentário

<< Home