quinta-feira, 1 de março de 2007

É ASSIM O COMPORTAMENTO DO PS DE TAVEIRA PINTO NAS SESSÕES DA CÂMARA MUNICIPAL DE PONTE DE SOR

A reunião da Câmara de Ponte de Sor, ontem (quarta-feira, 28 de Fevereiro), representou o episódio mais anedótico (até agora) do actual mandato.

Na sequência das noticias publicadas nos jornais Sol e Correio da Manhã, a fúria e a raiva de Taveira Pinto era tanta que o seu descontrolo foi completo.




O presidente da autarquia, afirmou barbaridades, misturou assuntos, recorreu a ataques pessoais contra os vereadores da CDU e fez deliberar a publicação de uma informação aos munícipes do concelho.

Segundo informações, o presidente da Câmara mostrou o seu baixo nível de direcção dos trabalhos durante as cerca de cinco horas que durou a sessão, com momentos que ultrapassaram o nível da indecência, com os sucessivos ataques aos vereadores da CDU.

Etiquetas: ,

53 Comments:

At 1 de março de 2007 às 21:11, Anonymous Anónimo said...

Mais uma vez o ditador de m... do bugalheira é desmascarado.

Mais uma vez fica provado que a gestão do ditador está cheia de trafulhices.

Mais uma vez o ditador está de trombas com as noticias publicadas pelo blogue.

Mais uma vez os funcionários da câmara não o podem aturar com a grande birra

 
At 1 de março de 2007 às 21:47, Anonymous Anónimo said...

Grande Pinto!! tens todo o meu apoio!!! manda uma cadeirada na cabeça desses putos que precisam de saber quem manda!! Distribui essa papelada toda pelos pontessorenses com o dinheiro da câmara que é para as pessoas verem quem sao esses bandidos!!! O povo de Ponte de Sor está contigo! os que nao estao sao minoritarios. Um par de berros nesses filhos da puta que é o que eles merecem. nao sabem fazer oposiçao, alias, nao sabem fazer nada a nao ser enrolar charros e depois fazem destas merdas so para impressionar, mas nao impressionam ninguem. é a escória, a escarreta desta terra. Agora é que é guerra a serio. Vamos começar a correr com esses amantes e companhia à biqueirada na via publica. Correr com eles à calhoada! cabroes! Feios! minorcas, escarros, cagalhoes, putas, paneleiros, drugas, vao morrer para longe que estao sozinhos nesta terra. aldraboes! vao trabalhar

 
At 1 de março de 2007 às 22:00, Anonymous Anónimo said...

Aí estão eles os apaniguados do bugalheira.
Iguais ao bugalheira.

O pânico está-lhe a bater forte.

 
At 1 de março de 2007 às 22:46, Anonymous Anónimo said...

Tu!!anónimo de 5ªFeira 9,47-Quem és pá??Não tens vergonha de tanta baichesa??-coitadinho do menino!!não te enchergas rapaz!!....

 
At 1 de março de 2007 às 22:46, Blogger Pedro Manuel said...

Taveira Pinto é um resíduo da democracia.

É um erro da vida política local e distrital.

É um desvio à norma, é uma patologia política, é um quisto da democracia.

Isto é um lugar comum.

Todos o sabemos, e todos gostamos de o ver e ouvir só para nos divertirmos.

Esta farsa tem um pico que coincide com o carnaval - em que o visado assume a sua verdadeira identidade.

Agora vem dizer à turba que ou as autarquias que não são da côr alinham com ele ou não mamam dinheiro algum da Câmara Municipal de Ponte de Sôr.

Em democracia - isto é execrável.

Não é uma nódoa, é uma mancha na política à portuguesa.

Mas ele é o veterano cá do burgo.

É o rei dos reis locais, o cacique-mor;

Um red neck populista, como um dia alguém lhe chamou, enchouriçado em meia dúzia de balelas que a turba local gosta de ouvir.

Ficam todos com a ilusão de que têm poder, são importantes e lutam contra a capital do distrito, o inimigo a abater.

Taveira Pinto é, pois, o vociferador do discurso radical que debita bites e bytes para agradar ao homem do talho, ao taxista e aos patos-bravos indígenas que se revém naquele pobre espírito fantasioso, circense, brilhando psicadélicamente como se estivesse permanentemente num cabaret.

Será isto a Política?!

Julgo que não.

Os inimigos de Taveira Pinto são sempre os mesmos: os comunas.

Confesso que ouvir Taveira Pinto a falar já é pior do que ver o programa do Herman José na TV.

O homem ofende toda a gente, vocidera contra tudo e contra todos.

Taveira Pinto dá rosas cheias de espinhos.

Taveira Pinto é, de facto, uma aberração da democracia.

Ainda assim garante um séquito de apoiantes indefectíveis na classe média, a quem garante os empregos e estão dispostos a andar à pancadaria só para proteger o boss.

É óbvio que estes fretes trazem compensações, e são bem pagos.

À custa do erário público que o sr. Taveira Pinto gere a seu belo prazer.

...Cada um tem o nome que tem...

 
At 1 de março de 2007 às 22:50, Anonymous Gracinda said...

O que esperavam de um filho de um Legionário?
Ele e a família foram sempre lambe botas dos fachos de Ponte de Sor.
Este bugalheira sempre foi um facho "pindérico"

 
At 2 de março de 2007 às 00:23, Anonymous Anónimo said...

Meu muito Amigo DR PINTO:
è com grande tristeza que vejo o teu nome nos jornais, até numa fotografia ao lado doutro onde o outro estava em ALTO e tu em BAIXO.Mas isto, porque me parece que és tu o grande culpado pá!
Sou teu amigo de Infancia,(desculpa não me idenfificar), mas já vi á muito tempo, que aquilo que a oposição diz em relação ás tais chamadas ERÓTICAS, é verdade verdadinha (caso não fosse tu terias mostrado as facturas logo que te foram solicitadas)para quem tem ou pouquinho de miolo vê isso pá!- tu de certo sabes quem foi (CASTIGA ESSA PESSOA PÁ)Se foste tu! o melhor que tens a fazer é confessares não andes é com desculpas mal dadas que só te fica mal!
Um conselho de Bom Amigo - DEMISSÃO!!

 
At 2 de março de 2007 às 13:55, Anonymous Anónimo said...

"Normal",diz ela


Nos primeiros dias do julgamento de Fátima Felgueiras falou-se principalmente de lixeiras. Das da Resin e das do financiamento dos partidos. A declaração de Fátima Felgueiras de que é "normal" (diz ela) que os partidos tenham "contas paralelas" fez as manchetes dos jornais não por ser novidade para alguém mas porque é coisa de que é suposto não se falar. Talvez por isso a autarca, a acrescer aos outros crimes, venha a ser acusada também de revelação de segredo de Estado (ou do segredo do estado a que isto chegou). Fátima Felgueiras só teve azar. Se alguns comparsas não tivessem dado com a língua nos dentes seria, como tantos outros, uma autarca modelo. O que se está a passar na Câmara de Ponte de Sôr é exemplar de que é a lei da "omertá" que vai mantendo presa com cuspo a pouca credibilidade de que políticos e vida política ainda gozam entre nós.
Só quando se zangam as comadres se descobrem algumas das sórdidas verdades que se escondem atrás do financiamento dos partidos e do tráfico de influências que o alimentam.
No ano passado, nenhum dos partidos com representação parlamentar cumpriu a lei, aprovada por eles próprios, de prestação de contas discriminadas dos seus financiamentos.

 
At 2 de março de 2007 às 15:06, Anonymous L.L.C. said...

O que se está a passar na Câmara Municipal de Ponte de Sôr é uma vergonha.
Retira credibilidade aos edis, dá dos pontessorenses a ideia de uns paspalhos, faz corar o país.
Só Taveira Pinto e aqueles que com ele dão a imagem de estar colados aos lugares, parecem não perceber isto.
Ou talvez não, talvez não estejam tão sozinhos como isso no seu autismo municipal.

Mas nem por isso o que se está a passar na CMPS deixa de ser uma vergonha. Porque, para lá dos escândalos e das suspeições, vemos o presidente do município a justificar o injustificável.

Mas é ainda uma vergonha por causa da Água, das Instalações Escolares, da Fundação António Prates, da Venda dos Terrenos Municipais da Barragem de Montargil, dada Venda do Parque de Campismo, do Aeródromo da Água de Todo Ano, da gestão dos meios humanos e culturais do Teatro Cinema à Biblioteca Municipal, das Chamadas Eróticas, do afastamento do sentir dos cidadãos.

A seriedade, a honestidade de um político não é documento.
Não configura uma qualidade.
Seja ao nível da administração do município, seja no plano da política que devia ser de proximidade, como é o caso das autarquias.
A honestidade de um político é uma condição prévia.
Quem não é sério devia estar impedido de receber mandatos dos cidadãos.

Mas, diz o saber popular, ser honesto não basta, é preciso parecê-lo.
É a história da mulher de César, a quem também não bastava ser séria.

A Câmara de Ponte de Sor, liderada pelo Taveira Pinto é hoje a mulher de César...
De onde que a sua edilidade, por respeito aos pontessorenses, aos eleitores e ao país devia, pura e simplesmente, entregar as chaves do município

 
At 2 de março de 2007 às 16:22, Anonymous Anónimo said...

muito bem, até posso concordar consigo mas...entregar as chaves a quem se não há um unico politico nesta terra minimamente credivel. O bugalheira ao menos ainda faz algum. Se vier falar de outro candidato, que seja PS porque CDU desta terra é uma vergonha de partido de oposiçao e o PSD até pode ter um bom rapaz que é o Lizardo mas também só está envolvido por merda. Como não há mais nenhum partido nesta terra para além destes 3, que o Pinto se mantenha onde está por muitos anos para bem de todos. Mas já agora gostava de saber se conhecem alguma alternativa. QUEM????

 
At 2 de março de 2007 às 19:03, Anonymous CP said...

A Cúpula do Poder

O mais chocante deste concelho por incrível que pareça, talvez já não seja os acérrimos ódios entre as duas forças politicas representadas no nosso município. O mais chocante é a escuridão e ignorância politica em que este povo vive mergulhado, cujos, uns tantos senhores se apropriaram do poder legitimamente e controlam de uma forma vil e indigna.
Ponte de Sor, cidade pequena e pobre com as suas gentes que lutam todos os dias para dar comer aos seus filhos, e que nas dezasseis, dezassete horas do dia em que estão acordados, não se questionam! Mas onde vivo eu? O que posso fazer por esta terra? O que esta terra pode fazer por mim? e pela minha família?
O voto, o elemento chave da democracia é apenas o começo, mas infelizmente em Portugal e sobretudo nas autarquias é o fim , porque a participação publica das pessoas é nula e isso torna os poderes inquinados do que há de pior na vida publica.
Eles, como se diz, são quem governam, são quem gere o nosso dinheiro, mas nunca lhes pedimos contas.
Alguém de bom senso pode afirmar que este executivo é sério, luta pela causa pública, está interessado no desenvolvimento da terra, sobretudo das suas gentes, pergunto eu! Como é possível um concelho com cerca de 20.000 habitantes, apenas uma cabeça decide o que é bom ou mau, decide o que fazer e não fazer, decide gastar os dinheiros dos nossos impostos ao seu belo gosto e prazer, decide fazer as suas próprias prioridades, que obviamente não são inspiradas na necessidades da população, isto não é trabalhar para o bem público.
O município é um antro de má governabilidade, são as facturas eróticas, são as águas com arsénio, são as obras dos milhões de contos, muitos milhares extra-orçamentados, estádio, fundação, aeródromo, perseguição aos funcionários, assembleias municipais vergonhosas, são favores, são influências corruptas, indicar o irmão para director do centro de emprego, o controlo absoluto da fraca comunicação social que temos, são as vinganças partidárias, são casos e casos nos tribunais, muitos deles pessoais pagos com o dinheiro do erário público, são as viagens que apenas servem para conhecer toda a Europa à custa dos contribuintes, questionamo-nos! O que Ponte de Sor tem ganho com estas viagens? Lembro que em 2006 orçamentou um milhão de euros só para viagens, por contrapartida propõem aos funcionários em tom de ameaça se querem papel higiénico para a sua higiene pessoal devem traze-lo de casa, é a falta de responsabilidade de profissionalismo de carisma de liderança que chega ao ponto do próprio presidente de câmara andar a colocar bombinhas de mau cheiro pelos gabinetes dos funcionários, isto tudo é atrozmente lamentável, eu diria mesmo repudiável.
As pessoas não precisam do ps do pcp, ou do quer que seja, nós precisamos é de gente empenhada, que saiba fazer as melhores escolhas, que saiba definir prioridades, naquilo que é necessário, não vale a pena ter um aeródromo que apenas vai servir os caprichos de alguns que nem de cá são, quando temos o nosso parque escolar o pior do alentejo, quando tecnologicamente somos o pior da região, quando economicamente somos o pior da região, quando culturalmente somos simplesmente inexistentes, as pessoas tem de perceber isto, se querem mudar rumo da situação.
Tenho plena consciência que para muitos, que perderão três ou quatro minutos a ler estas linhas, não vão acreditar numa única, talvez, porque ainda não passaram por um processo evolutivo de consciência pessoal e social, que lhes permita pensar por si próprios, mas o que me deixa de facto triste é certeza que tenho que tudo isto é a pura realidade e a tal escuridão de que falo no inicio, não deixa ver, não tenhais dúvidas estes senhores controlam, manipulam, mentem descaradamente à população de ponte de sor. Nada mais lhes interessa, se não o poder.
Por isso quero manifestar aqui a minha homenagem a dois jovens, independentemente de partidos, pouco me interessa essa questão, mas que são os únicos que têm coragem de denunciar as atrocidades que aqui andam a ser cometidas.
Na sequência, faço um desafio ao administrador deste espaço; não publique comentários com conteúdos ofensivos pessoais, com linguagem imprópria, procure credibilizar este espaço porque só assim se poderá denunciar a verdade sem medos, sem constrangimentos, a bem do conhecimento da população.
A informação e a escrita derrubam regimes.

Um cidadão

 
At 2 de março de 2007 às 20:01, Anonymous Anónimo said...

Meu Muito Amigo Dr Pinto:Qundo cá venho, falo com pessoas de todos os Partidos, já que sou amigo de todos, embora tenha alguma amizade mais por ti.
Mas não posso deixar de fazer o meu juizo!!e em relação às Chamadas Eróticas, não posso deixar de concluir que isto é mesmo VERDADE, e só poderá ser uma pessoa quem as fez, se não foste mesmo TU.
quem tem chaves da Camara para além de ti e do teu Primo??? - Então tu pá, tens medo do COXO?? Tu corre com esse tipo senão ainda é ele quem te mete lá dentro- Olha o Amante também lá o teve como tu,mas deves saber melhor do que eu que logo que ele pôs o pé na argola(por coisas menos graves)CORREU com ele e BEM!!-Então tu que te dizes um HOMEM, deixas esse Tipo fazer o que faz e continuas aí com ele.-Das duas uma ou também TELEFONASTE ou fizeste outras que ele SABE, ñão é?? RESPONDE A UM AMIGO DO PEITO.

 
At 2 de março de 2007 às 21:16, Anonymous Anónimo said...

Os individuos de baixa cultura quando lhe faltam os argumentos passam para o vocabulario que aprenderam em casa. Gritam e barafustam para que nao o spisem quais ratazanas .
Nem vale a pena gartar mais tempos com pessoas tao baixas e ordinarias.

 
At 3 de março de 2007 às 02:02, Anonymous Alguem que sabe de muitas e está com vontade de se dirigir à PJ said...

O Pinto nesta altura do campeonato parte com uma desvantagem muito grande. Agora há meios, como a Internet, em que todos podem discutir e dizer o que querem e o que lhes apetece sobre o Pinto.

Podem difamar, caluniar e aporcalhar a conversa, mas o que é verdade é que se no tempo do senhor eng.º José Amante houvesse Internet em que todos tinham a possibilidade de cagar sentenças e houvesse um maior aperto no plano judicial ao nível da corrupção como há agora, o Pinto seria um cordeirinho, um autentico menino de coro no que respeita a trafulhices ao pé do Amante.

Muitos se encheram à custa dele. Muitas construções de prédios e outras coisas foram feitas nesta terra pela porta do cavalo e em acordos com amigalhaços do peito. Vai desde José Amante, a Joaquim da condução, Falca, ao quase servente de pedreiro que hoje brota dinheiro por todos os poros e anda ai a passear ora o jipe Mercedes ora o Toyota velho que faz MU-MU, à custa do dinheiro que fazia parte da remessa do primeiro quadro comunitário. Mas há muitos engalanados pelas ruas da Ponte de Sor que devem favores ilícitos ao Zé Amante.

Gostava de saber onde é que o senhor Ze Amante enterrou o nosso dinheirinho para alem de ajudar os amigalhaços do peito. Ou ele próprio com o prédio, de sua propriedade, de que falavam a algum tempo dizendo que era uma simples propriedade de uma pessoa honesta que tem todo o direito a ter uma propriedade. Ele que explique onde foi buscar dinheiro e em que termos adquiriu o prédio.

E o Joaquim e o Falca que expliquem porque é que quase se mataram um ao outro dentro do carro e o que é que o Amante tinha a ver com isso. Anda nesta terra muita casa e prédio sujos do tempo do senhor Amante. Muitos favores e muitos abusos. Muitos crimes mesmo.

Ou então explique as vezes que mandou alisar a estrada da miséria e porque é que beneficiava tanto com esses sucessivos e caríssimos alisamentos (vejam a informação Municipal que correu as mãos dos pontessorenses a algum tempo sobre este caso pois é toda a verdade).

E a utilização abusiva dos meios da câmara para uso próprio indevido. Era o carro da câmara a passear a primeira-dama do senhor Amante, com chauffeur, a caminho de Lisboa para ela se pentear. Até levava amigas.

O que é que o senhor josé amante fez para alem da comporta defeituosa de nascença? Depois veio dizer que a piscina tinha um furo ou estava rota ou lá o que era.

O que é que ele fez para além de um projecto defeituoso de raiz que é o Pavilhão Novo que só faltava pô-lo mesmo em cima da avenida da Liberdade?

Em falar em Avenida da Liberdade, quem foi o imbecil que mandou por um novo tapete de alcatrão na avenida por cima daquele que já lá estava? Vejo as pessoas a tirar cursos só para estacionar as bicicletas naquela avenida por o passeio estar abaixo do nível da estrada.

Também há ai histórias de terrenos adquiridos por pessoas muito mal contadas.
Enfim, José Amante contabiliza mais podres que o Taveira Pinto e o imbecil do filho segue as pesadas. E não sei quem vai primeiro para a choldra, se o Pinto se o menino Morgado e o senhor João Pedro Amante…vá lá saber-se porquê…

 
At 3 de março de 2007 às 12:28, Anonymous João Pedro Amante said...

É interessante fazer um apanhado das bocas de "coragem", sob a capa do anonimato e do pseudónimo. É essa a verdade desta "gente". É essa a seriedade destes "comentadores". É essa a razão de ser da pobreza da nossa democracia.

Quem não tem "rabos de palha" não tem medo das ofensas.
Quem não tem dúvidas sobre o poder da democracia e da liberdade não tem medo de Taveiras Pinto ou de quaiquer outros "assessores".

Mas, se o caminho é baixar o nível e a fasquia é dada por um "maestro" que neste momento é presidente da câmara, não pode ser imputada culpa a quem não quer acompanhar a indecencia do nível.

Como alguem aqui já referiu. Taveira pinto "justifica o injustificável", e mais uma vez, pelos baixos argumentos e pela baixa política (se é que isso existe), a única forma que esse senhor conhece para ocultar a sua ignorância e a sua incompetencia.

 
At 3 de março de 2007 às 14:23, Anonymous Anónimo said...

que tal encontrar alguém indepedente, serio e credivel para fazer uma lista e concorrer as proximas eleições. bora fazer uma lista e contactar pessoas. por ponte de sor, que já merece livrar-se de pintos e amantes

 
At 3 de março de 2007 às 14:40, Anonymous António João said...

uma lista independente era uma optima ideia mas morria logo a nascença se o objectivo fosse ganhar eleiçoes. Tal só teria sucesso se o candidato fosse alguem da politica porque de outra maneira nunca teria sucesso, pelo que ficaria tudo igual. Entao o senhor Pedro Amante não é capaz de desmentir o que o anónimo antes de si afirmou? Cheira-me que o seu pai a esta hora está com o cu as bufas embora o que o anónimo disse foi apenas um feedback do que toda a gente sabe mas já se tinha esquecido.

 
At 3 de março de 2007 às 15:58, Anonymous Anónimo said...

AO Sr.António João: O Senhor não deve ter a noção de nada de nada!! Então o Sr. não vê que se o Amante tivesse por onde lhe pagarem já o tinham metido na gaiola á muito tempo!!Ele é Comunista não é de nenhum partido que tenha estado no Governo, o Homem já saiu da Cãmara em 1993 já passaram 13 anos, a primeira coisa que o Pinto fez quando chegou á Camara foi pedir uma INSPECÇÃO - Nada de grave foi encontrado!! Se algumas coidsas não estavam tão bem era dos serviços não era do Homem, Olha por exemplo em relação aos Trabalhadores, paraece que alguns ainda nãp estavam no Quadro quando já poderiam estar, Quem tem a culpa disso é o Nuno o Coxo, foi ele que teve com os serviços do Pessoal durante muitos Anos e anos - pergunte-lhe - Quanto à sua de:Listas só de Partidos, pederá não ser!!Informe-se com alguém que tenha conhecimento e verá que há Concelhos e Freguesias que elegeram Presidentes Independentes e muito capazes, logo o Concelho de Ponte de Sor também tem pessoas muito capazes Idependentes, até sempre se diz que nas Autarquias conta mais as pessoas do que os Partidos-Esta é mais uma prova do que o senhor não sabe nada de nada...Informei??????

 
At 3 de março de 2007 às 16:50, Anonymous Anónimo said...

O Senhor António João o o Sr.anónimo a que se refer são dois Tó Tós Iguais um ao outro- Certo ou errado ???

 
At 3 de março de 2007 às 17:02, Anonymous Antonio Joao said...

Voces estao muito nervosos. Muito mesmo!! parece que eu e o anónimo acertamos na ferida. cambada de ignorantes. Vá informar-se quantos desses autarcas independentes nao vieram de partidos e só se tornaram independentes por brigas e interesses que a vida partidaria nao conseguia satisfazer

 
At 3 de março de 2007 às 18:27, Anonymous Um Funcionário da Câmara Municipal aposentado said...

O comentador «Alguém que sabe de muitas e está com vontade de se dirigir à PJ» por este andar ainda vai buscar coisas dos falecidos presidentes: Manuel Adegas, Cruz Bucho, Goes du Bucage, Manuel Fernandes e Alexandre Cardoso para justificar o injustificável da gestão do Taveira Pinto.
E bom que não repita aquilo que não sabe(só porque lhe contaram), nem viveu nem de longe nem de perto.
Sabe "eu ainda sou do tempo" destes todos e dos da democracia, fiz a minha carreira até à reforma ao serviço do município de Ponte de Sôr, como funcionário, conheci a politica seguida por todos, posso-lhe dizer que o único que foi um grande corrupto chama-se:
João José de Carvalho Taveira Pinto

 
At 3 de março de 2007 às 18:52, Anonymous Anónimo said...

Já leu o último Sr.António João??-Lembre-se que estão pessoas Aposentadas que sabem bem de todos os PODRES do seu Amigo Taveira;Pessoas que passaram por várias secções,e em todas as secções hà de certeza várias ilegalidades.....(obras da camara.obras dos particulares,cultura/educação,apoios a familias,fundos comonitários,expedientes,TELEFONES etc.......

 
At 3 de março de 2007 às 18:52, Anonymous Anónimo said...

Salvé, vigaro doutor

Ó glória da nossa terra
Que tens salvado mil vezes,
Enquanto houver pontessorenses
Tu serás o seu grande vigaro

Ave bugalheira
Ave bugalheira, tão vigarista
Virgem nunca foste
Ouvide a prece tirada
No meu peito de margura.

Vós que sois cheia desgraça
Escutai minha oração,
Conduzi-me pela mão
Por esta vida que passa.

Oh! Senhor, que é vosso filho
Que seja sempre connosco,
Assim como é convosco
Eternamente seu brilho do dinheiro

Bendito sois vós, bugalheira,
Entre as pontessorenses desta Terra,
E voss'alma só encerra
Doce imagem d'alegria.

Mais radiante do que a luz
E bendito, oh vigarista!
É o fruto que provém
Do vosso ventre!

Ditoso bugalheira,
Vós que sois um grande vigarista
E que morais lá na barroqueira, onde o IMI é barato
Orai por nós cada dia.

Rogai por nós, pecadores,
Ao vosso filho,
Que por nós morreu na cruz
E que sofreu tantas dores.

Rogai, agora, oh bugalheira!
E (quando quiser a sorte)
Na hora da nossa morte
Quando nos fugir os nossos impostos.

 
At 3 de março de 2007 às 18:56, Anonymous Anónimo said...

Vocês são todos uns mouros.
O Senhor Doutor é um santo homem ele nunca cobrou um escudo por uma consulta no seu consultório de doutor dentista!
O Senhor Doutor nunca beneficiou um cêntimo que seja por viver onde vive, cuja o IMI é o mais baixo da cidade.
O Senhor Doutor nunca nomeou ninguem para um cargo bem pago na Câmara, só o primo e o irmão.
O Senhor Doutor nunca quis oferecer aos boy's job's, só queria o irmão para director do centro de desemprego.
O Senhor Doutor disse sempre que não havia mais chamadas eróticas feitas dos telefones da Câmara, mas elas lá apreceram.
O Senhor Doutor disse sempre que o palmeiral junto ao estádio era muito em conta e só era pago se as palmeiras não se findasse, mas já foi pago e não foi muito barato.
O Senhor Doutor é um homem muito sério e educado, mas chama nomes a todos aqueles que não lhe dizem amem e é capaz de caluniar os mesmos.
Porra estou farto destes artistas

 
At 3 de março de 2007 às 19:07, Blogger Pedro Manuel said...

Corrupção: um diálogo entre

o Big foot e o Big hand:


Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Sor Taveira Pinto e Pato-Bravo.


Um retrato da cidade de Ponte de Sôr no ano da graça de 2007 sobre a gestão municipal do doutor:

Todos nós já ouvimos histórias sobre corrupção.
Umas sérias, outras nem por isso, outras assim assim.
Mas quase todas ficam impunes, como não se provam os ilícitos tudo fica como dantes no quartel general em Abrantes.
Mas de há uma década para cá a "soit disant" corrupção evoluiu, sofisticou-se, generalizou-se, democratizou. E atinge largas camadas da população.

São pequenos favores na Administração Pública, facilitação de procedimentos, fuga aos impostos, comissões em obras, luvas (brancas, pretas, amarelas, azúis), pagamentos por fora a troco de contrapartidas várias.
Tudo isto se traduz num esbulho ao erário público, um roubo a cada um de nós.
Como dizia alguém, o Estado passa a vida a roubar as pessoas, e as pessoas tentam fazer o mesmo, apesar de terem menos sucesso.

Tudo isto não seria grave se a corrupção e a fraude fiscal não representassem o principal bloqueio ao crescimento e desenvolvimento económico e social de uma Nação.
Com a nossa mui pequenina economia passa-se isso mesmo.
Ou seja, um conjunto de pessoas, bem posicionadas, muitas vezes com responsabilidades no aparelho de decisão (central ou local), subtraem verbas ao Estado pertencentes à comunidade, que dela carece para a realização do bem comum, como dizia o nosso velho amigo Aristóteles.
Há tempos que não falamos.
Tenho de lhe ligar...
Mas a última vez que o vi - ao Aristóteles - foi na rua grande...
Ah grande Aristóteles...

Mas convém dizer aqui uma coisa:
- muitos de nós, para não dizer todos, à esquerda e à direita, olhamos para a fuga aos impostos como uma espécie de libertação, uma caminhada para a felicidade, um passaporte para o paraíso.

Qualquer coisa que sirva para punir o Estado, por acção ou por omissão, é uma benesse de Deus.
Talvez porque o Estado se tenha formado para administrar a força contra as pessoas e porque se constituiu para cobrar impostos indesejáveis pelas populações.
Daí o "amor" entre as pessoas e o Estado, e vice-versa.
Tipo cão e gato.

Portanto, estamos aqui perante um facto indesmentível.
Tudo quanto se trate de gestão de dinheiros públicos ou de decisões de conteúdo económico ou financeiro, deve arrumar-se numa gaveta que diz o seguinte:
a virtude é um bem escasso; e a ânsia de recolher vantagens privadas é enorme.
Das autarquias aos clubes de futebol, dos bombeiros aos bancos e às empresas - tudo quer tocar no pote de mel e resgatar para si o seu quinhão.

De preferência, roubando o Estado o mais possível. E com a máxima descrição.

Mas o que assusta hoje, ao contrário das décadas passadas, e que foi um fenómeno potenciado pela integração de Portugal na União Europeia que permitiu a entrada de milhões contos "per day", é que já não é o presunto que se dá ao gerente do banco, o cabrito que se oferece ao Sr. Juíz, nem o caixote de garrafas de "Visky de Sacavém" ao oficial da GNR.

Não, agora os escândalos financeiros são de grande amplitude, os interesses cruzados são imensos, os métodos da corrupção são como os passos do padre na igreja, mal se sentem.
Tudo mudou.
Até a natureza das práticas da corrupção.
O tempo mudou, mas o homem é o mesmo:
continua ambicioso, invejoso, soberbo e o mais que há de pecados capitais.

Quer dizer, hoje as Boas Festas(as Broas) não se fazem só com o cabrito, o presunto e o contentor de whisky.
Hoje a malta tem tudo isso aos pontapés nas grandes superfícies e a preços acessíveis para a classe média.
Hoje também já não há sinaleiros que recebem as oferendas dos transeuntes ali no Liceu Camões.
Hoje a escandaleira é de dimensão global, e os escândalos fiscais são apenas um índice dessa realidade mais ou menos oculta neste Portugal onde a economia e a sociedade ainda é muito informal: não é por acaso que se fala em malas pretas com dinheiro lá dentro por causa de escolas de condução, transferências de somas avultadas para zonas francas onde familiares aprendem a arte da condução na via pública, participação em negócio, subtracção de receitas fiscais, desvios de subsídios da então CEE (de que a UGT ao tempo de Torres Couto foi pródiga) etc, etc, etc.

Tudo isto somado dá cabo do Produto Interno Simpático...

Muitas empresas têm de alinhar com os autarcas, pagando-lhes comissões para aprovarem licenças de construção.
Inúmeros subsídios públicos de regiões e municípios à futebolítica só servem para aumentar o escandaloso ordenado dos treinadores e jogadores.
Que, ao menos, podiam aplicar num curso de português intensivo.
Tanto os clubes de futebol como as associações de bombeiros são dos organismos menos fiscalizados.

Vejamos agora um pequeno diálogo entre om Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Sor Taveira Pinto, o empresário e o modo como cada um organiza o seu universo mental de interesses e monta, por sua vez, o esquema operacional para melhor conseguir os seus intentos.
Que é esbulhar o Estado da forma mais invisível possível.
O diálogo que se segue é pura ficção, mas qualquer correspondência com a realidade não passa de pura coincidência.
Vejamos o que eles dizem uns aos outros.


- DIÁLOGO DE CAVALHEIROS.
TUDO BONS RAPAZES
- UM RETRATO Da CIDADE, A NOSSA QUERIDA PONTE DE SÔR.
DE AGORA DO ANO DA GRAÇA 2007


- O Empresário (Big hand) - que por convenção designamos aqui de Big Hand (mão grande).
O que é que este "pato bravo" pensa, senão saber quem está em melhor posição nas sondagens para ganhar as eleições.
Mas como não tem a certeza financia os dois partidos que estão mais próximo desse limiar de vitória.

- o Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Sôr Taveira Pinto(Big foot)
- pode ser designado por Big foot.
Este gosta de dar grandes passadas de cada vez.
Não lhe chega um T 4 no Algarve, ele quer logo (também) o duplex do último andar - que com o terraço - vai para os 350 m2.
Assim pode fazer biclicleta, skate e tudo o mais que der para partir as pernas.
Só que os autarcas do Partido Socialista em Ponte de Sôr, como sabemos.
Logo, o duplex com vista acaba por ter outras finalidades que aqui são manifestamente inconfessáveis.
Remetem para outros prazeres: obras de arte, uvas, morangos, champagne francês, e muitas pernas de galinha em regime de fricassé.
Tudo habita o duplex que o Big Hand teve de passar ao Big foot como contrapartida por uma licenciamento de terreno manhoso ali nas margens da barragem de Montargil.
É agora que os dois se encontram, o empresário e o autarca, o big hand e o big foot - e vão desenvolver o diálogo que reflecte um retrato tosco da realidade actual: as autarquias e o mundo da construção civil.
- Diz o Big foot - olhe lá ó Big hand você sabe que eu tenho poderes para lhe demorar os pedidos de licenciamento da obra que você me pediu ali para o monte da pinheira de cima?!
Ou você alinha cá com o Big foot - ou então terá um pesadelo e a sua obra ficará parada uns 3 aninhos a mais do que a conta, e você terá de pagar à banca e aos fornecedores as derrapagens, não é verdade?!"
- Pois claro diz o Big hand.
Já tenho experiência disso.
No anterior mandato deste, bem lixado fui.
Fui parvo, quer dizer não alinhei e fiquei a aguardar mais 8 meses pelos licenciamentos.
Resultado: além de só poder vender os meus apartamentos mais tarde, tive de os vender a mais alto custo tornando a venda mais difícil.
Então, mas nós podemos olear a máquina administrativa camarária de alguma forma que sirva ambos os interesses.
O seu e o meu, não acha?
- Acho!! - diz o Big foot.
Assim é que eu gosto de conversar com homens inteligentes, sábios, talentosos e, acima de tudo, sensíveis à perspectiva dos outros.
Isto merece uma ida à boite das meninas seguida de uns Whiskis valentes.
Pode ser Dimple 3 murros... On the rocks, please..

- Vejo que o senhor presidente é rápido a pensar, diz o Big hand. Então e quanto é que me vai custar a brincadeira?
Não fazemos isso com duas garagens e uma arrecadação de 100 m2..?

- Ó homem, agora você ofendeu-me - diz o Big foot.
Umas garagens e uma arreca....da-kê?
Olhe, só por causa dessa tirada saloia já nem me apetece beber o Whisky consigo.
Você deve ser de norte, já se vê... E levanta-se para se retirar com ar crispado, numa simulação perfeita..

- Senhor presidente, senhor presidente - não leve isto a peito - diz Big hand.
Foi apenas uma proposta.
Sente-se pfv, e retomemos a nossa conversa.
Pode ser...
Eu ainda não tinha acabado:
dizia duas garagens, uma arrecadação e o duplex maior da vivenda que estou a construir.
O tal que você visitou inicialmente e de que gostou muito, lembra-se?

- Sim, claro! - diz Big foot - Lembro-me perfeitamente.
É o que tem 320 m2 não se esqueça. E deixe em stand by o do lado esquerdo que tem, salvo erro, 280m2. Esse fica "por conta", uma vez que o senhor anda também a construir em mais quatro sítios no Concelho de Ponte de Sor: Barreiras, nas margens da Barragem de Montargil, Foros do Mocho e Farinha Branca. Certo? E para tratar da papelada dessé terreno e da troika de vivendas você tem de saber tomar as boas decisões empresariais.
Compreende?

- Pois, compreendo! - diz Big hand. Que está já com vontade de enforcar o Big foot na sua própria corda (diz para os seus botões).
No fundo, o senhor presidente é o meu maior comissionista.
Leva-me parte do lucro que espero vir a obter com a venda dos meus apartamentos.
Assim, terei de os vender muito mais caros... E quem se lixa, como deve imaginar, é o cidadão, ou seja, o cliente, o zé povinho que precisa de um tecto para morar.

- Também é verdade - diz o Big foot - envolto em fumo e já com as lentes dos óculos todas embaciadas.
Mas proponho-lhe uma coisa:
você conhece aqueles terrenos alí da barragem de Montargil e que os ecofundamentalistas dizem que é reserva natural e mais não sei o quê...
Olhe estou a pensar a seguir ao Natal alterar o PDM e alterar a natureza do solo a fim de se poder lá construir.
Por isso, em Janeiro do ano que vem você pode, em 1ª mão, comprar o maior lote de terreno (que depois lhe indicarei) que a Câmara vai vender a um baixo custo, como vou fazer alí nas Barreiras.
Que me diz?!

- Oh senhor presidente, diz Big hand - que boa notícia.
Sempre sonhei povoar a barragem de Montargil com cogumelos brancos e transformar aquilo numa espécie de Lego, só que em ponto grande.
Mas aqueles dois duplex de uma vez só é uma valente rabocada no meu orçamento...

- Pois é - diz Big foot - mas o valor daqueles terrenos justificam bem essa transação. E depois de fazer umas continhas constatará que falo verdade.
Tão verdade como eu querer os seus apartamentos e você querer os meus licenciamentos.
É uma troca justa, não é!?
Você nem imagina o que custa ganhar eleições, enganhar este povinho...
Um homem tem de se humilhar, andar a cumprimentar gajos que nem sequer conhece, a beijar velhas com mau hálito, crianças ranhosas, e uma variedade de pontessorenses nos bancos dos jardins com as mãos todas suadas, sabe-se lá por onde andaram...
Mas o que mais custa é não podermos despachar à siciliana meia dúzia de bloguistas que andam para aí a dizer falsidades sobre a minha honorobilidade que, como você vê, é inteiramente impoluta..

- Impolutíssima sr. Presidente!! - diz Big hand.
Vendo bem as coisas por esse prisma, ser eleito presidente sempre custa mais do que sacar um empréstimo bancário junto do Ricardo E..., ao menos o ambiente é mais selecto, e não tenho de andar a cumprimentar esses ranhosos de rua, alguns até devem ter hepatite B e sei lá mais o quê.

- Está a ver - diz Big foot - Você está quase lá...
Acho que já me compreendeu e podemos colaborar francamente.
Olhe, a semana passada apanhei uma urticária que desconfio ter sido alí na zona ribeirinha.
Ainda me ando a esfregar com águas das malvas e com um pó-de-talco especial que comprei numa das muitas viagens que fiz à vossa custa ao estrangeiro, mas com magros efeitos.
Até perdi o apetite.
Então, temos negócio, não é verdade?

- Ok, sr. presidente - diz Big hand.
Mas eu sou o primeiro a comprar o maior Lote de terreno na barragem de Montargil, ok. E quero tudo aprovado para poder terraplanar o terreno e começar a abrir os caboucos no mês seguinte, ok?

- Claro meu bom amigo - diz Big foot - Isso está tudo pensado ao pormenor, apesar de não fazer parte do Plano Director Municipal.
Mas está tudo na minha mente.

- Vejo que o sr. presidente - diz Big hand - tem uma mente brilhante.
Com homens assim até dá gozo vender apartamentos.
Mesmo que tenhamos os dois de enterrar vivos os nossos futuros clientes:
o Zé Povinho.

 
At 3 de março de 2007 às 22:15, Anonymous Anónimo said...

oh senhor funcionário da câmara tenha juizo pah!! Tao mas um presidente da camara alguma vez, se fizer merda, vai correr a contar ou faz as coisas descaradamante à frente de um funcionário? tenha tatinho, alias, tenham todos tatinho e desçam a Terra, porque nenhum presidente, independentemente de que partido for, vai levar em linha de conta a participaçao do funcionário (infelizmente é assim), pelo que nunca alguem, a não ser os directamente interessados, têm conhecimento das maroscas, só ficando a saber quando alguem dos interessados dá com a lingua nos dentes. O simples funcionário pensa que sabe e o presidente fá-lo acreditar que é verdade o que por si já é mentira, no entanto o funcionário engana-se a si próprio porque nunca sabe da missa à metade como está escrito no ultimo post.Foi assim que fiquei a saber das coisas e não porque um simples alguem me contou. O que tenho eu a ver por ter passado por nao sei quantos presidentes de câmara? talvez passei pelos mesmos que voce passou. Alias algumas familias dos que referiu se englobam no leque de favorecidos pelo Amante. E este está bem vivo ao contrário dos outros, e para quem é ainda um politico relativamente activo, nao tem nada de se queixar se ele é notificado ou que falem dele como falam do pinto. Mas mesmo assim ainda ninguem me desmentiu mas nao faz mal porque sei que é verdade e muita gente o sabe também

 
At 3 de março de 2007 às 23:44, Anonymous Rui Gordo said...

O Presidente estava preocupado.
Começaram a caçar os corruptos.
O Presidente não era nada honesto.
Preciso fazer alguma coisa. Tomar precauções.
Resolveu marcar uma reunião. Com políticos do seu partido.
Era uma noite de sexta-feira. Na mansão do presidente ali na encosta
Estavam todos reunidos. O presidente, os vereadores, o director.
E a belíssima Assessora.
O uísque corria solto. Os ânimos exaltavam.
Serviam-se charutos e empadinhas.
O vereador não tirava os olhos da assessora do presidente.
O director também estava interessado.
Foi quando o presidente percebeu. E gritou com voz arrastada.
- esta assessora é minha. Ninguém toca nela.
Completamente bêbado, agarrou o vereador pelos colarinhos.
A assessora sorriu .
- Eu sou de todos vocês. A corrupção deixa-me toda excitadinha.
Vamos para a cama. Um de cada vez.
Todos alinharam.

A política é promíscua.

 
At 3 de março de 2007 às 23:53, Anonymous M.F.V. said...

Lá vem a Nau Matuzarense
Que tem muito que contar
São Coelho à Proa
Bugalheira a comandar

D. Nuno conta o pilim
D. Carita trata das velas
D. Adelaide limpa com VIM
tachos pratos e panelas
D. Zé-Zé na enfermaria
conta pensos e emplastros
E o D. Laranjeira
põe vaselina nos mastros
Ouvi agora senhores
uma história de pasmar

Estava a Nau já atracada
por ordem de El-Rei
depois de ser escavacada
por essa corja de um raio
que quase a havia afundado
nos tempos do segundo mandato
e ainda mais arrombado
por Bugalheira capitão

Pondo fim aos disparates
fez o Povo avançar
ferreiros e calafates
para a poderem reparar
desde rombos a fracturas
no casco e nos mastaréus
que após estas aventuras
estavam de bradar aos céus

Até a arca do concelho a saque
sofrera de um rombo tal
que ia dando um ataque
a El-Rei de Portugal

Fora o pilim quase todo
p'ra luxos e mordomias
tinha sido mais que um bodo
de folguedos e folias
desde carros a acessores
secretárias, secretários
gabinetes p'rós doutores
buracos de obras faraonicas
chamadas para números eróticos

Tendo os bichos do demónio
chegado ao fundo do saco
toca a vender patromónio
para tapar o buraco
Agora, está bom de ver
que o que se segue, sabeis:
os dedos ter que vender
após venda dos anéis

E a pobre marujada?
quando o escorbuto atacou
na despensa esvaziada
nem um limão encontrou
Todo o dinheiro servia
p'rá desbunda dos tratantes
p'rá festança e prá folia
dos sinistros comandantes

E a escola da marinhagem
também ela achincalhada!
foi um fartar vilanagem
deixaram-na desgraçada
sem rumo foi navegar
um seja o que Deus quizer
sem mestres para ensinar
sem alunos p'ráprender

Neste estado degradante
entrou a Nau no estaleiro
virá novo Comandante
quando a justiça o ordenar
Pra não correres novo risco
tem cuidado, matuzarense
não se vire só o disco
e se toque a mesma treta

 
At 4 de março de 2007 às 02:21, Anonymous Anónimo said...

presento-vos o REI PATETA:

PEDRO MANUEL!!!

genial, unico, vesgo e paneleiro!!!!!!!!!!!

 
At 4 de março de 2007 às 11:09, Anonymous Anónimo said...

Vergonhoso e com direitoà presença da PJ, foi o que se assistiu no passado sábado dia 3 de Março,pelas 15h30 na freguesia de Montargil!A casa de povo de Montargil serviu de palco a um Sr. que se diz Engenheiro para dizer que temos uma população com baixos recursos económicos e depois pede esmola...quando apresenta uma comissão apenas composta por elementos da sua força partidária...quando se aproveita de necessidades urgentes para fazer cabalas políticas...Quando manipula pessoas idosas!!!O PCPnão consegue ir longe com estas atitudes...estão a descer muito baixo...

 
At 4 de março de 2007 às 13:55, Anonymous Anónimo said...

e tql da lista dse independentes? vamos pensar num nome.

 
At 4 de março de 2007 às 15:39, Anonymous Anónimo said...

ninguem...
em ponte de sor a inveja é tão grande que sem o apoio de partidos é impossivel q haja candidaturas desse tipo. Por isso cai-se na tentação de dizer pinto recandidata-te, mas daqui a 6 anos ninguem ja t pode ver á frente!

 
At 4 de março de 2007 às 20:09, Anonymous Anónimo said...

quem fala assim está desiludido. há surpresas tem de começar por algum lado. ponte de sor dos caiques já era, só que anda tudo distraido. vamos arranjar alguém independente. e a surpresa será grande. temos de acreditar em ponte a terra e nós merecemos

 
At 4 de março de 2007 às 20:11, Anonymous Anónimo said...

concordo com o post anterior. quese lixem o taveira pinto que até tem ar de bimbo e que já não se usa e nos amantes que tem ar de retardados mentais. força para uma lista independente. em nome de todos nós.

 
At 4 de março de 2007 às 21:20, Anonymous Anónimo said...

em primeiro lugar, permitam dizer que este ultimo comment foi, até agora, dos mais perfeitos que alguma vez aqui apareceu. E para quem pensa que é inutil e nao diz nada, diz tudo! Será que o senhor que falou sobre a actuaçao do PCP em Montargil, poderia detalhar o que se passou? É que o PCP já está a envergonhar os poucos que o apoiam com atitudes de criancinhas

 
At 5 de março de 2007 às 01:37, Anonymous Anónimo said...

O PCP tem de rever a sua forma de fazer oposiçao, pois a actual não é bem vista aos olhos das pessoas e os que acreditam nestes senhores é por pura ingenuidade. Com estes sucessivos ataques, muito mal estruturados e sem provas concretas, o PCP corre o risco de sofrer as consequecias que quer impor à força toda ao PS e ao Dr. Taveira Pinto que cada vez mais tem margem de manobra que lhe permite estar a vontade e continuar a fazer o que quer. ele tem boa noçao disso pois apoia-se na opiniao publica que o PCP ingenuamente empurra a favor do PS enquanto o objectivo é o contrário. Não se esqueçam que está previsto grandes obras em Montargil e o actuar executivo camarário e freguesia de Montargil é socialista pelo que é muito mais facil para o PS criar influencia nos montargilenses, pelo que se o senhor engenheiro e os elementos partidários que leva consigo levantarem muito alarido, estão sujeitos a serem corridos à pedrada. A única coisa que podem fazer contra o pinto é incriminá-lo só que sem provas concretas, demonstram à população as vossas reais intençoes que são de birra pessoal. Isso é de porcos inuteis e a populaçao nao está para alinhar nessas canalhices

 
At 5 de março de 2007 às 11:59, Anonymous Anónimo said...

Mas, as provas concretas não estão na mão do ministério público e da polícia judiciária? Não é a estas entidades que compete a investigação?
Não foi por causa de fortes indícios de corrupção que há um ano vieram buscar uns papeis à camara de Ponte de Sor?

 
At 5 de março de 2007 às 14:41, Anonymous Anónimo said...

indicios e nao provas concretas...denuncias por gente parva e com inveja e sem provas porque nunca as tiveram na mao. A PJ foi à câmara averiguar por fruto de denuncias de coisas sem provas. PJ apreendeu papelada diversa e dali nao resultou nada. Os senhores do PCP que se cuidem que a bala cada vez mais lhes vai saindo pela culatra. Um dia estes dois senhores têm a policia a porta...vai-se lá saber porquê

 
At 5 de março de 2007 às 18:57, Anonymous J.A. said...

estes comunistas sao mesmo filhos da puta. ganzados de merda deste morgado e deste amante. brotam ganza por tudo quanto é lado. Se a judite fosse à casa deles ou lhes revistasse os bolsos iamos ter uma pequena surpresa em quantidades grandes. filhos da puta. cavalos. camelos. cabroes. cagalhoes, escarretas politicas, merdas, paneleiros, parasitas, ladroes, gatunos, mentirosos, pulhas, canalhas, broxistas de merda!!!!!!!

 
At 5 de março de 2007 às 20:02, Anonymous Anónimo said...

MORRAM COMUNAS!!!!!!!!!!!

PAS PROXIMAS ELEICOES É Q VAI SER!!!!!!!!!!!!

COMUNAS 0%%%%%%%%%%%%%%!!!!!!!!!!!!!!!!!!

MORRAM!!!!!!!!!!!

 
At 5 de março de 2007 às 20:43, Anonymous Anónimo said...

é que nem um para a amostra. Quando o João Pedro Amante chegar à conclusao que nem o proprio papa vai votar nele, da-se briga lá em casa. Os comunistas estao à beira do fim nesta terra. morreram mesmo para a vida

 
At 5 de março de 2007 às 21:00, Anonymous Mário Luis L. Coutinho said...

O desespero dos chuchalistas está no ao rubro.
Pobres coitados são tão vigaristas e corruptos como o chefe.
No fundo a verdade doí-lhe muito...

 
At 5 de março de 2007 às 21:53, Anonymous social democrata - militante do psd said...

voces é que tem razoes para entrar em desespero. E eu nao sou socialista mas sim social democrata e fique sabendo que maior parte dos sociais democratas, incluindo da sua direcçao, nao apoiam o pinto mas muito menos a vossa estupidez

 
At 6 de março de 2007 às 00:53, Anonymous O ANARCA said...

O PPD deve olhar bem para a cãmara da capital.
A merda é toda a mesma as moscas é que mudam

 
At 6 de março de 2007 às 15:09, Anonymous Anónimo said...

é so para verem mesmo que estão sozinhos neste mundo e que ninguem liga à vossa luta. simplesmente não queremos parar no tempo como voces.

 
At 6 de março de 2007 às 21:27, Anonymous Anónimo said...

Oh PSD de marrocos queres é tacho igual aquele que tiveste no G.C.
quando eras adjunto do adjunto.
Cresce rapazito!

 
At 6 de março de 2007 às 22:21, Anonymous Anónimo said...

estas a ver que ate sabes alguma coisa?! como é que adivinhas-te?

 
At 8 de março de 2007 às 14:32, Anonymous Anónimo said...

Ontem fiquei estupefacto com a carta que o presidente da câmara, dr. taveira pinto, enviou aos municipes.Um ser de inteligência invulgar, senão como é que explicamos que seja possivel ter imaginação para escrever tanta bacurada junta.A referida carta podia ter tido como titulo "Debiteiloucurasomaisquepude".Quem é que o sr. pensa que é para emitir aquele tipo de comunicado?ainda por cima não trata as pessoas pelos nomes, medo de acções judiciais por difamação???para quem alega ser tão corajoso. Como o próprio já disse dezenas de vezes em comunicados semelhantes: "se têm provas que as apresentem", ou afinal o sr. não sabe do está a falar?ou não tem a coragem para efectuar denuncias como os seus alegados opositores a têm?é que esses têm a coragem para referir nomes e factos ao contrario do sr. presidente corajoso. Estranho também que só após a junta de freguesia ter mudado de côr partidária tenham começado a aparecer novos projectos e investidores, será que a anterior junta impedia o desenvolvimento da sua freguesia? não me parece.Já agora em relação ás facturas, que o sr. diz que só assina, será que as facturas vêm sem sem cabeçalho ou identificação?

P.S. não vou pedir desculpa por o nome do sr. presidente estar em minusculas, é que foi de propósito.

 
At 8 de março de 2007 às 15:36, Anonymous Anónimo said...

oh palhaço uma coisa é certa. Vamos um dia ver esse ze amante, esse pedro amante, esse morgado, esse tonho augusto a fazerem denúncias caluniosas e a aldrabar obras dentro das grades.

ps: não vou pedir desculpas por não tratar por senhores, nem tão pouco pelo nome próprio de cada um, como trato o grande senhor que é o Dr. Taveira Pinto, a esses parvos, usando em sua vez a palavra "esse" mesmo com o objectivo de menosprezar esses seres exóticos reis da patifaria. Canalhas da pior espécie. Ladroes que se fossem apertados no tempo deles, faziam do pinto um menino de coro.

 
At 8 de março de 2007 às 16:00, Anonymous Anónimo said...

Oh palhaço marroquino queres é tacho...

 
At 8 de março de 2007 às 17:08, Anonymous Anónimo said...

mas quem é o marroquino afinal? diz ai o nome ou tas com medo?

 
At 9 de março de 2007 às 14:57, Anonymous Anónimo said...

parece que começam a ficar à beira de um ataque de nervos.

 
At 9 de março de 2007 às 23:49, Anonymous Mário Luis L. Coutinho said...

A este sr.Dr.Taveira Pinto só lhe resta:
- Mostrar as facturas todas;

-Demitir-se de seguida.

 

Enviar um comentário

<< Home