quinta-feira, 6 de abril de 2006

ESTÁ LEMBRADO?

«...está a ser negociado com “uma poderosa instituição” a instalação de uma unidade turística de cinco estrelas na área da barragem de Montargil, num investimento de “alguns milhões” e que poderá criar cerca de “450 postos de trabalho”. ...»


Taveira Pinto

in: Jornal Fonte Nova N.º1253,


Publicado no pontedosor.blogspot.com, em 18/Maio/2005


20 Comments:

At 6 de abril de 2006 às 22:17, Blogger JoaquimMarquesMachoqueira said...

A questão é mesmo essa: as instituições são um problema, nomeadamente devido à sua rigidez e corrupção. Toda a união\divisão tem de ser espontânea e não forçada.

 
At 7 de abril de 2006 às 00:29, Anonymous xico da frialva said...

Sera que e outro negocio como o da moagem transformada em fundação?
Ou outros negocios ainda mais obscuros

 
At 7 de abril de 2006 às 08:49, Anonymous J. Francisco S.H.Mendes said...

Pois é!
A primeira cavadela é a venda do Parque de Campismo;
A segunda cavadela é a venda dos restantes terrenos municipais junto à barragem;
A terceira cavadela é os negócios que o membro do gabinete do presidente da câmara municipal de Ponte de Sôr, Luís Jordão, anda a fazer junto dos proprietários de terrenos particulares da margem da barragem, com ameaças: ...ou vendes ou és expropriado...

É estas as (in)cavadelas que nos estão a montar...

 
At 7 de abril de 2006 às 13:42, Anonymous xico da frialva said...

So uma sugestão, eles não estaeão interessados em se venderem ao Kilo, isto se alguem estiver interessado em comprar tao fraca mercadoria.
Como dizia o poeta "..... e não s e pode extermina-los?...."
Ja agora venda aquela rotunda do domingao que ninguem sabe o que e
e as palmeiras do estadio

 
At 7 de abril de 2006 às 17:39, Anonymous Zé Rafael said...

Pescador sou eu, não sou tão mentiroso.

Alguêm os viu?

 
At 7 de abril de 2006 às 22:43, Anonymous Alguem com opiniao com base numa visao nao destrutiva said...

Para voces, seus comunas da gaita, tudo o que seja investimento e mau. Se è porque ha falta de postos de trabalho, è porque ha falta de postos de trabalho. Se existem oportunidades de criar postos de trabalho, è porque existem oportunidades. Nao me digam que o vosso problema dos terrenos e apenas por causa da vossa tao bonita frase "TERRA A QUEM TRABALHA". Claro que essa, e outras instituicoes, vao concorrer a Montargil e aproveitar as suas grandes potencialidades turisticas, nao se ficando so pelo que voces aqui apresentam (vao-se acreditando porque e a verdade). Ja agora relembro-vos que toda e mais alguma oportunidade de emprego no nosso concelho e bem vinda, ou ainda tem esperanca na DELPHI?! Acordem!! Os chineses estao ai com os carros de baixo custo. As empresas para as quais a DELPHI trabalha vao ter o mesmo destino que teve a ROVER, e atras destes vai a DELPHI. Bem podem comecar a preparar os vossos apaniguados da CGTP e UGT e o resto da cambada de mentecaptos para defender os trabalhadores quando houver despedimentos em massa, tudo porque o comunismo que se pratica em Ponte de Sor, ao contrario de muitos outros casos que conheco e que estao no poder, è de querer travar todas as oportunidades de progresso preferindo ocupar o seu tempo a distribuir boletins, analises e todos os meios repudiosos com o unico fim de alimentar a vossa "tara" pelo Dr. Taveira Pinto (muitas vezes assim e que os romances e as paixoes comecam).
Ate aborrece passar por Montargil e nao ver aproveitamento algum naquilo. Mal posso esperar pelas unidades Hoteleiras e os campos de Golf a ocuparem a zona a volta da barragem. Eis provavelmente uma boa oportunidade de dar mais condicoes de saneamento a toda a zona de Montargil. O vosso comportamento so me leva a desafiá-los para uma coisa. UMA MANIFESTACAO NAS RUAS!!!!!!! Em prol de uma necessidade enorme de regredir. A politica nao e assim e nem se pratica dessa maneira como voces fazem. Embora ja tenha visto noutro blog do Norte Alentejo, que as vossas atitudes no intuito da regressao, difamacao e odio pelos outros nao sao totalmente isoladas, infelizmente, o nosso caso e particularmente grave, e nao podemos deitar por terra esta grande oportunidade que nos dao porque quem ai vem para ocupar a barragem nao e o Ze da Esquina que da 3 ou 4 postos de trabalho, mas sim gente com enorme vontade, disponibilidade e condicoes de investir. Realmente eles e que ficam mais ricos e nos ficamos na mesma. Mas se calhar, num breve, ou talvez muito breve futuro sera a salvacao de muitos. Pensem bem nisso

 
At 7 de abril de 2006 às 23:57, Anonymous Su, Vampira said...

Deve ser verdade...

 
At 8 de abril de 2006 às 00:47, Anonymous xico da frialva said...

Pois e Vampira, o ke dizes do investimento na Fundação do não sei quantos que niunguem sabe para que serve, mas enquanto nas escolas nao ha aquecimento la em cima e um luxo
Sera um investimento igual a isso se for nao obrigado
Isto ano e ser comuna mas realista.
Ou achas que um milhao deitado fora e boa gestao?
Se calhar es tb licenciada em gestao como nuitos que gerem este pais e o poem na miseria,

 
At 8 de abril de 2006 às 11:37, Anonymous Anónimo said...

Se a opinião da pessoa que se intitula "alguém com opinião" poderia ter alguma razão de ser quando fá-la da possibilidade de criação de postos de emprego, prede-a logo de seguida afirmando infantilmente que a política não é aasim... O pior e o mal está em a política ser isto que por aqui aparece e muito mais. Os meandros da política são obscuros e vingativos, não são em prole de desenvolvimento mas sim em prole do umbigo de cada político. O parque de campismo e Montargim continuaria a ser uma das localidades do país se não tivessem terminado os desportos náuticos aí praticados. Montargil, foi durante muito tempo um local em que se procurava investir, agora é uma localidade com muitas casas para vender, porque quem tinha dinheiro e aí vinha investir em momentos de lazer foi escorraçado. Sei que neste momento estarão já a falar em poluição nas águas, mas poluídas também estão as que consumimos diariamente...O Alentejo está a ficar inundado de campos de golfe... Quem não se lembra do aproveitamento que também as pessoas de Ponte de Sor e arredores dava à Barragem, aproveitando-a quando não podia ir à praia? Mora é um concelho muito menos desenvolvido e tem uma praia fluvial e um empreendimento que embora pequeno, chama a si muita gente, tem canoas, gaivotas, local para piqueniques e... nós com uma enormidade de barragem, não temos nada. Temos alguns e devíamos ter todos, mais vergonha. Quanto ao Senhor Luís Jordão devia usar mais o cérebro em vez dos seus empolgados discursos perdidos na falta de nexo e o SEnhor Presidente deveria também raciocinar um pouco mais e deixar de tentar copiar para Ponte de Sor. pedaços de excertos visuais que vai tirando das suas inúmeras viagens. Se Ponte de Sor, já era uma cidade sem raízes, cada vez o vai sendo mais e sem raízes não há planta que resista, seja importada da América, do Japão, da Noruega...As coisas têm que surgir com lógica e contexto e realmente eu, recomendo muita ponderação e adorava que o senhor presidente lesse as minhas palavras e nelas reflectisse.

 
At 8 de abril de 2006 às 12:03, Anonymous Anónimo said...

Sinceramente eu gostava muito de saber de quem foi a ideia de colocar não só as palmeiras junto ao estádio mas também de as iluminar daquela forma. Com toda a verdade juro que no dia em que a iluminação surgiu não estava em Ponte de Sor e como cheguei Ponte de Sor, num dia em que as livrarias iam abrir à meia noite para lançamento de um livro do Harry Potter e cheguei por volta da uma hora pensei que os donos de uma livraria que se localiza nas imediações tivesse pedido autorização para colocar aquele tipo de iluminação, uma vez que os livros de Harry Potter falam de feitiçaria. Qual não foi o meu espanto quando no dia seguinte fiquei a saber que aquilo não tinha nada a ver com o livro. Mas agora em tom de ironia digo, só pode mesmo ter sido não feitiçaria, mas sim magia negra, para colocar ideias tão ridículas nas mentes alentejanas que permitiram tal iluminação. É ridículo, é vergonhoso, é pimba do pior que existe. Que horror de gosto... E já agora a rotunda de Domingão é alguma publicidade aos tubos sondalis?? Pelo painel publicitário que está junto, parece. Quanto pagou a Sondalis por uma tão grande publicidade? Ponte de Sor tem gentes, tem origens, terá fututro mas jamais terá um futuro ligado à ciderurgia. O que significa aquilo?? Quem tem estas ideias ridiculas?? E que dizer e perdoe-me quem lá vive dos "penicos" que a autarquia anda a construir como habitação social, em locais previliados da cidade? E já por falar em habitação social, será que se começarmos a vender droga também nos dão uma casa? Concordo que o façam a quem realmente necessita, concordo que o façam a pessoas com filhos deficientes, idosos, doentes, pessoas realmente que não podem trabalhar... mas a pessoas que "não trabalham honestamente" e vivem da venda de droga e ainda do rendimento minimo atribuído que só lhe serve de capa. Por favor, é mesmo de indignar e de fazer pensar.

 
At 9 de abril de 2006 às 02:44, Anonymous Santos said...

"prole"

"ciderurgia"

bem..estou a ver que este blog é só gent culta e de grande literacia...vamos longe ponte de sor com este blog.

pinto: "prá" frente homem!!
que isto por aqui é só badamecos com pretensões a badamerdas

 
At 9 de abril de 2006 às 03:25, Anonymous Anónimo said...

DR TAVEIRA PINTO AJUDE GALVEIAS A LIVRAR-SE DA CDU.... ESTA ESCOMALHA PRECISA DE SER IRRADICADA....
É SO CORRUPÇAOOOOOOOO

 
At 9 de abril de 2006 às 19:15, Anonymous Anónimo said...

Será que o projecto não foi em frente, porque a dita instituição não "entrou" com a percentagem para a mafia?

 
At 9 de abril de 2006 às 21:28, Anonymous Tiger Woods said...

Mas quem disse que não vai em frente??? Nem imaginam o que ai vem. Os investimentos que dizem aqui, fazem parte apenas da ponta do iceberg como gostam de dizer. Não sabem e nem fazem uma pequena ideia dos barões que estão para chegar ai. Vai ser lindo ver Montargil com movimento que nunca ninguém viu. Afinal também me podem explicar qual é o problema da venda do parque de campismo? Já agora, visto que falam em injustiça e no Jordão e mais não sei quantas, qual e o problema da aquisição de terrenos em Montargil? Se há problemas, porque é que não há qualquer tipo de manifestação, mesmo isolada, desses mesmos proprietários? Afinal qual é a forma de ocupação desses terrenos por parte da câmara? Compra e venda ou expropriação?
Ok, já sei que a vossa resposta é que o Dr. Taveira Pinto diz que ou fazem como ele quer ou há meia-noite o papão vai sair do guarda-fato e comer os meninos maus que não lhe dizem ámen. Quero ouvir justificações plausíveis.
Quando for o dia da inauguração do aeródromo espero ver o primeiro avião a descolar, para desagrado da comunidade comunista. Quando abrirem os Hotéis, espero passar uns belos dias na melhor suite, para desagrado dos comunistas. Quando abrirem os campos de Golf, repito: campos com “s”, espero ser das primeiras pessoas a dar umas tacadas na cabeça dos comunas. Quando os condomínios fechados estiverem prontos, espero adquirir lá uma casa. Vai ser engraçado. Só espero que os campos de Golf sejam bem perto da Estrada Nacional. Já tou a ver o Pinto a praticar o swing contra o carro do Amante e esboçar aquele sorriso patético e mandar aquela gargalhada ridícula.

 
At 9 de abril de 2006 às 22:13, Anonymous Anónimo said...

eheheh...

gostei deste tiger woods!

 
At 9 de abril de 2006 às 23:41, Anonymous xico da frialva said...

Tiger woods
aorda pa
isso e um pesadelo
avioes em Ponte Sor?
etc,etc,etc.......
So quando os Pintos tiverem dentes. porque dentista ja tem

 
At 10 de abril de 2006 às 16:55, Anonymous xico da frialva said...

O santos ta muito preocupado com a iletracia, mas talvez seja um dos curadores da Fundaçºao Fantasma que nos chupou ate ao tutano, imagino que o dinheiro tivesse sido para abrir lojas no Twin Towers e no Picoas Plaza para enganar alguns novos ricos que pensam ter alguma coisa d ejeito com serigrafias na parede vondas de um tal Centro Portugies de Serigrafia
Tb estou apensar abrir um centro
dre fotocopias. emos dinheiro simcom coisas uteis
Gast

 
At 12 de abril de 2006 às 18:25, Anonymous Anónimo said...

Todos os investimentos de qualidade são bem vindos.
Mas será que só o golf gera turismo de qualidade? Será que só as elites é que têm direito a lazer?
Estes campos de golf não irão esgotar a água da barragem mais cedo todos os anos devido à rega intensiva a que estão obrigados para se manterem em condições? Não serão libertados para a barragem residuos quimicos fruto do tratamento e manutenção dos campos?
A barragem foi ao longo dos anos utilizada para a prática de actividades náuticas. Porque não criar um Clube Náutico, onde todas as crianças do conselho pudessem aprender a remar, velejar, esquiar?
Porquê é que nunca foi criada uma praia fluvial, com equipamento de apoio à semelhança do que existe no Maranhão e no açude do Gameiro em Mora?
O turismo náutico já era uma realidade, mas infelizmente acabaram com ela, pois com tanta limitação os utentes foram para outras paragens.
A barragem foi inundada com placas informativas que são verdadeiros atentados ambientais.
A preservação do ambiente não se faz com avisos, mas sim com educação.
Mas isto leva tempo e por isso lá vai andar a GNR Ambiente de livro de facturas na mão a arrecadar mais uns cobres para este Estado gastador da riqueza gerada por quem com bastantes dificuldades vai lutando todos os dias para que o pão não falte em casa.

A S.

 
At 12 de abril de 2006 às 23:06, Anonymous Socialista - ex said...

Mas ainda alguem acredita no louco do Taveira Pinto? alguem acredita num hotel de 5 estrelas, com 450 empregados!!!!!!!! ???. Já agora a Camara tambem pode criar uma Fundação Barragem, para afundar a nossa terra ainda mais no mar (ou nos lagos da cidade) da mentira e da vergonha que é esta equipa do PS. Será que o Xico da Junta já declarou os Pintos no manifesto da Gripe das aves de capoeira?

 
At 22 de junho de 2006 às 18:37, Anonymous Anónimo said...

É com grande desalento que vejo um conselho com muita vontade de mudar, mas muito ingénuo nas decisões que toma,como cego, surdo e mudo.Quero manifestar a minha profunda revolta ao ser um habitante da freguesia de Montargil em plena juventude, mas sem nemhum motivo para ali ficar.e percebe-se porquê!?venho por este meio alertar às pessoas de uma empresa de duas faces, dy'naero ibérica s.a.Quando as pessoas leiem o jornal Ecos do sor e se fala na empresa Dy'naero, estes fazem dela uma empresa de boa imagem e o resto!Quando um trabalhador constroi aviões de 15 mil contos,a 25 mil e só ganha de salário 400 euros é justo?Quando os trabalhadores correm riscos de saúde na empresa derivado aos produtos químicos altamente prejudiciais e nem ganham mais um centimo por isto.é exploração!!Bem como os incidentes que ocorrem que vão direitinhos ao centro de saúde,e os médicos que atendem os trabalhadores respondem:"na empresa devia existir um médico!" pois são este tipo de situações e outras que prejudicam quem pensa que tem um futuro numa empresa destas.só para não revelar mais episódios bem dramáticos no contexto da representação sem prescindir dos palháços que a representam.estejam atentos!

 

Enviar um comentário

<< Home