quinta-feira, 12 de abril de 2007

BEM PREGA O ZÉ SÓCRATES...



Peço-lhe Sr. Primeiro ministro que resista à tentação do controle da comunicação social, não vá por aí porque nós cá estaremos para evitar essas tentações


José Sócrates
na AR - 14/10/2004

Etiquetas:

2 Comments:

At 12 de abril de 2007 às 20:55, Anonymous Anónimo said...

E politica a portuguesa, gritam pelo poleiro e quando la estao
alteram tudo

 
At 13 de abril de 2007 às 00:16, Anonymous JER said...

TIQUES DE CULTO DA PERSONALIDADE

Sem se perceber bem porquê parece que se tem vindo a criar o culto da personalidade entre José Sócrates, tenta-se dar do primeiro-ministro a imagem do homem que decide, que governa cientificamente, que está acima de todos os grupos de interesses, enfim, um novo Cavaco Silva. É essa preocupação com o endeusamento de Sócrates que leva alguns a ficarem muito preocupados com a mais pequena imagem do primeiro-ministro, o que leva os fiéis assessores a desdobrarem-se em telefonemas para condicionar de forma indirecta ou indirecta a actuação da comunicação social.

Está na hora de o governo e, em particular José Sócrates, perceberem que valem pelo que fazem pois ao fim de dois anos os eleitores começam a ter elementos para aferir a sua competência. E a verdade é que começam a haver sinais de abusos, reestruturações de serviços do Estado feitas com base em critérios oportunistas, listas de funcionários excedentários feitas com critérios obscuros, eliminações de serviços que configuram situações de saneamento político e muitas outras actuações que começa a correr a credibilidade de Sócrates e a aumentar o número de vozes indignadas.

Afinal Sócrates não era nenhum Deus e os que usam e abusaram dos seus cargos para proveito próprio à sombra da invencibilidade do primeiro-ministro já começaram a cavar-lhe a cova. O incidente com as suas habilitações literárias serviram para Sócrates perceber que são cada vez mais os que começam a ficar fartos da actuação deste Governo, que nalguns aspectos é tão mau como os piores Governos do PSD. O oportunismo puro e duro começa a ser cada vez mais evidente e os sinais da sua generalização multiplicam-se.

Ou Sócrates toma conta da casa informando-se sobre o que se vai passando sob a sua sombra ou a sua queda começará a tornar-se evidente.

 

Enviar um comentário

<< Home