segunda-feira, 5 de maio de 2008

ÚLTIMAS: PONTE DE SOR DELPHI ENCERRA: 500 TRABALHADORES PARA O DESEMPREGO [ XVI ]

DELPHI

TRABALHADORES

EM

GREVE



Delphi/Ponte de Sor: Operários entram em greve às 00h00m de terça-feira


Ponte de Sor, Portalegre, 05 Mai (Lusa) - Os trabalhadores da Delphi em Ponte de Sor iniciam às 00:00 de terça-feira uma greve de 24 horas, devido ao impasse no processo negocial com a empresa em torno das indemnizações.

A convocação da greve foi aprovada, a 22 de Abril, durante um plenário dos trabalhadores da fábrica, que deverá encerrar no primeiro trimestre de 2009.

As negociações continuam a não avançar, disse hoje à agência Lusa o secretário-geral do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas e Afins (SIMA), José Simões.

O dirigente sindical admitiu que os operários avancem com novas acções de luta, incluindo mais paralisações, caso a empresa não parta para negociações sérias com os representantes sindicais dos trabalhadores.

Em causa está o processo negocial entre os representantes da empresa e dos trabalhadores para acordar o valor das indemnizações e outras eventuais compensações pelo fecho da unidade fabril.

Os operários defendem indemnizações de 2,8 salários, enquanto a administração propõe dois salários por cada ano de trabalho.

Os trabalhadores da Delphi já rejeitaram o valor apresentado pela administração, apesar de terem baixado a sua proposta de 3 para 2,8 salários por cada ano de antiguidade.

A administração da multinacional norte-americana tinha subido o montante das indemnizações a atribuir aos trabalhadores de 1,8 para dois salários por cada ano de trabalho.

A fábrica de Ponte de Sor, que emprega 439 operários efectivos, além de cerca de 80 a contrato, produz apoios, mecanismos para portas de correr automatizadas e sistemas de protecção de ocupantes para vários modelos de veículos automóveis.

Em comunicado hoje divulgado, o Sindicato dos Trabalhadores da Química, Farmacêutica, Petróleo e Gás (Sinquifa) considerou que a administração da empresa ainda está a tempo de evitar a greve.

Basta que responda satisfatoriamente à contraproposta dos trabalhadores, garante o Sinquifa.

Os sindicalistas alegam que a administração da Delphi não pode deixar de ter em conta o drama que é perder o posto de trabalho e não ter à vista qualquer alternativa de emprego.


MLM.
Lusa

Etiquetas: , , ,

50 Comments:

At 5 de maio de 2008 às 22:34, Anonymous Anónimo said...

....que vergonha...os espertos dos sindicatos (cuja representação é Ponte Sor é uma anedota, com gente completamente anónima e estranha à cidade), fazem das suas...intoxicam os trabalhadores com as mais infames mentiras sobre o "patronato", essa vil sociedade (que emprega as pessoas, que lhes paga ordenados,horas extras,segurança social, seguros, pensoes, indemnizações,etc)...tudo é mau, vido daquela gente...

METAM NA CABEÇA! QUAL É A EMPRESA QUE VIRÁ PEGAR NAS INSTALAÇÕES DA DELPHI, E QUE ENCONTRA LOGO TRABALHADORES CONFLITUOSOS???
QUE TIRO NO PÉ QUE ESTÃO A DAR!!!NÃO SE DEIXEM ENGANAR!!!

 
At 5 de maio de 2008 às 23:08, Anonymous Manuel Luís said...

Tu meu, é que estás a intoxicar, meu grande defensor do patronato, os patrões em sociedades desenvolvidas só tem de pagar pelo trabalho realizado.
Os trabalhadores da Delphi sabem bem porque lutam.
Tem o exemplo dos seus colegas do mundo inteiro, em situações idênticas.
Basta ver a luta dos seus colegas da Andaluzia, a luta foi dura, (muito mais dura que alguma vez o vai ser em Ponte de Sor), mas esses trabalhadores Andaluzes conseguíram o apoio de toda a população da cidade, do ayuntamento e do governo regional para a sua causa e conseguíram do governo de Espanha a criação de novos postos de trabalho na sua cidade que absorveu os despedidos e não falsas promessas de requalificação profissional.
Como ex-trabalhador da Inlan desejo a todos estes colegas da Delphi o maior êxito na sua luta em defesa dos seus direitos.

 
At 5 de maio de 2008 às 23:57, Anonymous Anónimo said...

Acabem com o resto, deixem abrir falência e depois nem dois nem um. O pessoal da empresa que encerrou no final de Abril, nem dois chegou a levar...
Já alguém disse - Quem tudo quer, tudo perde e neste caso quem mais perde são os que vão fazer greve porque perdem em todos os sentidos.

 
At 6 de maio de 2008 às 00:11, Anonymous Xico C. said...

Se os trabalhadores não lutarem pelos seus interesses não são os "velhos do Restelo" da cidade de Ponte de Sôr que lutarão por eles.
Isso já está há muito manifestado em alguns dos comentários postados neste blogue.
Pobre terra a nossa em que todos tem beneficiado com os trabalhadores da Delphi e onde poucos apoiam a luta dos seus funcionários.

 
At 6 de maio de 2008 às 01:56, Anonymous Anónimo said...

estará ele a defender o patronato, ou a acautelar as perspectivas de emprego futuro? Brutas indeminizações, isso é que os sindicatos gostam!! e "luta"!! muita "luta"!!

 
At 6 de maio de 2008 às 09:31, Anonymous Anónimo said...

Não sejas tótó...
É por essas e por outras que há recibos verdes...
Abre os olhos que já é tempo!

 
At 6 de maio de 2008 às 10:35, Anonymous Anónimo said...

ja estou farto de dizer mas ainda nao perceberam. Mais também nao poderia dizer. De que forma é que "os velhos do restelo" beneficiaram indirectamente com os trabalhadores da Delphi? Você não deve ser trabalhador da Delphi e deve trabalhar muito longe de Ponte de Sor para dizer coisas dessas. Digo isto porque desconhece os comportamentos de grande parte dos trabalhadores da Delphi. Pergunte-lhes onde é que costumavam passear a carteira e ainda continuam. Pergunte a muitos louquinhos (que nem os proprios colegas podem com tal gente) o que estão a programar enquanto a torneira ainda está aberta. pergunte-lhes! E como é que quer que "os velhos do restelo" se preocupem com a situação quando sao os proprios funcionários (pobres de alguns que são gente séria e estão sujeitas a uma generalidade de critérios de negociaçao feitas por esses paneleiros de sindicalistas) que dizem à boca cheia que vão ficar ricos e que se estão a borrifar para o assunto. E também como é que quer que "os velhos do restelo" se preocupem quando temos um paneleiro na camara municipal que asfixia a populaçao com a sua santa ignorancia e taxas de impostos pornográficas como ele? Qunato a isso dos impostos também já disse o que é que esse senhor doutor devia fazer. Nao se esqueçam do que está a acontecer aos valores imobiliáros da regiao com esta historia toda. cumprimentos

 
At 6 de maio de 2008 às 12:49, Anonymous Anónimo said...

Delphi/Ponte de Sor: Mais de 90 por cento dos operários em greve - Sindicato

Ponte de Sor, Portalegre, 06 Mai (Lusa) - Mais de 90 por cento dos trabalhadores da Delphi em Ponte de Sor aderiram hoje à greve de 24 horas, em protesto contra a "falta de resposta" da empresa às propostas de indemnizações, disse à agência Lusa fonte sindical.

"A greve está a resultar em cheio, com uma adesão superior a 90 por cento", afirmou o secretário-geral do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas e Afins (SIMA), José Simões.

Os mais de 400 operários da fábrica, que deverá fechar portas no primeiro trimestre de 2009, iniciaram às 00:00 de hoje uma greve de 24 horas, devido ao impasse no processo negocial com a empresa em torno das indemnizações.

"A adesão não é a 100 por cento, mas é muito elevada, com secções da fábrica completamente paradas", descreveu o mesmo dirigente sindical, enquanto os operários em greve se mantém concentrados no exterior das instalações fabris.

Segundo o secretário-geral do SIMA, no "turno da noite", entre as 00:00 e as 08:00 de hoje, "trabalharam apenas quatro pessoas, os chefes".

A fábrica de Ponte de Sor, que emprega 439 operários efectivos, além de cerca de 80 a contrato, produz apoios, mecanismos para portas de correr automatizadas e sistemas de protecção de ocupantes para vários modelos de veículos automóveis.

Na origem da convocação da greve está o processo negocial entre os representantes da empresa e dos trabalhadores para acordar o valor das indemnizações e outras eventuais compensações pelo fecho da unidade fabril.

Os operários defendem indemnizações de 2,8 salários, enquanto a administração propõe dois salários por cada ano de trabalho.

Os trabalhadores da Delphi já tinham rejeitado o valor apresentado pela administração, apesar de terem baixado a sua proposta de 3 para 2,8 salários por cada ano de antiguidade.

A administração da multinacional norte-americana tinha subido o montante das indemnizações a atribuir aos trabalhadores de 1,8 para dois salários por cada ano de trabalho.

Na segunda-feira à noite, a poucas horas do início da greve, foram mantidos contactos entre representantes dos trabalhadores e da empresa, mas as partes não chegaram a qualquer acordo.

No caso da empresa "não avançar para negociações sérias" com os representantes sindicais, os operários admitem "novas acções de luta, incluindo mais paralisações.

A convocação da greve para hoje foi aprovada, a 22 de Abril, durante um plenário dos trabalhadores da fábrica.

Também o Sindicato dos Trabalhadores da Química, Farmacêutica, Petróleo e Gás (Sinquifa) já se pronunciou sobre o impasse nas negociações, considerando que a administração da Delphi "não pode deixar de ter em conta o drama que é perder o posto de trabalho e não ter à vista qualquer alternativa de emprego".

MLM.

Lusa

 
At 6 de maio de 2008 às 13:29, Anonymous Anónimo said...

Qualquer adminitrador da GM americana, com a redução de custos que vai conseguir com o encerramento desta unidade é capaz de levar para casa num ano o equivalente ao total das indemnizações de todos os colaboradores

 
At 6 de maio de 2008 às 13:37, Anonymous Anónimo said...

eu ja tinha pendurado ai num sobreiro o nelsom o abelha e a mulher o basilio e o resto ,ja todos sabemos o que vos ofereceram ,e o resto das pessoas de ponte de sor vao saber mais tarde a verdade vem sempre ao cimo ,Tenham vergonha na cara , nao e sobre as indeminizaçoes que esta em causa foi eles terem recebido uma puta fria para lixar os colegas e ainda andam feitos figidos atras do dr. pinto , va falam cobardes penssavam que nao se descubriam

 
At 6 de maio de 2008 às 16:21, Anonymous Anónimo said...

O primeiro comentador deste post anda enganado com a vida.
Se bem me soou, esses são os argumentos que o presidente da câmara de ponte de sor procurou veicular através dos sindicatos, justificando que a calmia da luta era um motivo para que novas empresas se fixassem em Ponte de Sor e fossem garantidos empregos aos agora desepregados.

Anda enganado porque esse processo nunca levou a nenhem lado.
Anda enganado porque não e esse factor que determina a fixação de novas empredas na cidade.
Anda enganado e a querer enganar outros.

O segredo está na luta e na unidade dos trabalhadores e de todos os habitantes de Ponte de Sor. Não assobiem para o lado!

 
At 6 de maio de 2008 às 16:24, Anonymous Anónimo said...

(continuação)

Não assobiem para o lado porque o facto principal está consumado - a deslocalização da fábrica - tudo o resto podem ser vitórias para os trabalhadores.


(O PCP ontem distribuiu um comunicado na Delphi, era bom que pudesse ser publicado aqui no blogue).

 
At 6 de maio de 2008 às 18:09, Anonymous M. said...

HISTÓRIA DO AMIGO DA ONÇA

O meu amigo Zé ficou desempregado:
- Tiveste azar, o chefe embirrou contigo. Bem te avisei para dizeres a tudo que sim. Não vês como eu faço?
O meu amigo Zé vendeu a casa e o carro:
- Foste imprevidente. Um T2 como o meu, não chegava para a tua família? Com as prestações ao banco sempre a subir, estava-se mesmo a ver...
O meu amigo Zé pediu-me dinheiro emprestado:
- Ao que tu chegaste! Então, já esgotaste as poupanças? Olha que eu também não tenho reservas. Queres vir jantar cá a casa com o teu pessoal?
O meu amigo Zé não consegue arranjar novo emprego:
- Eh pá, tens 50 anos, tens que te conformar com o salário mínimo, senão ninguém te emprega...

O meu amigo Zé avisou-me que tinha o carteiro à porta:
- Uma carta registada para mim? Da nossa empresa? Que será?... Eu, despedido?! Eu, que sempre trabalhei tanto e nunca me queixei do pouco que ganhava. Eu que dizia a tudo que sim, que me inscrevi no partido do chefe e que nunca fiz uma greve...

O meu amigo Zé, pôs a mão no meu ombro, baixou os olhos, abriu a boca, mas... não disse nada.

 
At 6 de maio de 2008 às 19:01, Anonymous Anónimo said...

Hoje não se viu o senhor sindicalista Nelson na televisão. Onde andava aquela cara linda?

 
At 6 de maio de 2008 às 19:24, Anonymous Anónimo said...

Para o anonimo das12.49 deves ser burro eu digo as indemnizaçoes da GM..ate 10 anos 70.000 dolares,ate vinte seis anos 140.000, mais disso ,pensao completa isto e para os operarios de produçao .es burro ou estas a fazer-te

 
At 6 de maio de 2008 às 19:33, Anonymous Anónimo said...

Ele deve pensar que so ele e que e inteligente, somos alentejanos mas nao burros comos os ha na terra dele.lol..lol..

 
At 6 de maio de 2008 às 19:35, Anonymous Anónimo said...

o NELSOM foi espulso . Foi tirar o curso de cozinha.

 
At 6 de maio de 2008 às 19:50, Anonymous Anónimo said...

Chiça mais os cozinhados dele. Não é a mim que me apanham a come-los.
Não era ele que andava em conversas com o pinto para saber se haviam de aceitar os 2%?

 
At 6 de maio de 2008 às 21:23, Anonymous Anónimo said...

2%????? O que é que quer dizer com isso? (vai ai uma confusão de conceitos). Mas não interessa. Então meus amigos, vi agora o telejornal e fiquei comovido. Aquilo é que é o espírito de união? É assim que querem atenção por parte dos "velhos do Restelo"? Se fossem os "velhos do Restelo" na falência vocês não descansavam enquanto não enterrassem os pobres desgraçados. É por isso mesmo que não tenho pena nenhuma desta situação. Se vi 30 trabalhadores nas imagens acho que é muito. Onde é que estavam os outros? Vocês metem vergonha. Nem imaginam o quanto são gozados de norte a sul do país. Tenho amigos de várias zonas do país que vieram disparatar comigo a perguntar "não têm vergonha do que estão a pedir? não querem mais nada?" Eis que ficam surpreendidos com as minhas respostas e de muitas outras pessoas que têm a mesma opinião que eu. Ainda acabam sem nada. Aos mais jovens que ainda têm possibilidade de trabalhar noutro sítio qualquer faço um apelo: sejam também sérios nas negociações. Têm direito a serem indemnizados. Não mostrem a cara para esquemas como o de hoje. Se o fizerem põem em causa a vossa própria credibilidade ao contrário do que esse anunciador das boas novas, que são os comunicados de merda do PCP (tal e qual como os do PS), diz. Digo isso por lidar com entidades empregadoras de vários sectores e várias dimensões. Não se enganem porque o poder de comunicação está mais integrado do que nunca. Os sempre maus da fita (patrões) falam entre si. E também vos digo uma coisa, dadas as minhas funções e a relação de confiança que tenho com esses patrões, se algum dia me pedirem opinião sobre quem empregar em Ponte de Sor, responderei, taxativamente, quem será uma boa aposta e quem será um fardo. E os trabalhadores da Delphi que são gulozos e mostraram ar de sua triste graça, fazem parte do grupo dos fardos. Saudações

 
At 6 de maio de 2008 às 21:47, Anonymous Anónimo said...

Ó anónimo das 9h23, já que és tão importante arranja-me lá um trabalho e já nem peço um emprego. Põe o contacto aqui no blog.
Desde quando é que lutar pelos interesses é vergonha?
Fica sabendo que houve pessoas que não estiveram lá à porta porque aproveitaram o dia de greve para trabalhar na horta. Um dia sem ordenado, ao fim do mês, para quem ganha pouco, faz falta.
Claro que os chefes e os administrativos não fazem greve porque são esses que vão trazer a pipa de massa.

 
At 6 de maio de 2008 às 22:01, Anonymous Anónimo said...

A ti não te arranjava de certeza porque não sou empregador. E também porque és palhaço. Sim eu sei dessa história. Já me constou que uns foram para a horta, outros ficaram em casa, outros foram para o Koppus, Seca-pipas e barril e outros foram as putas. Eu sei disso tudo. Tou a ver que há muitas hortas por ai. Só 20 ou 30 é que não têm horta. Vou já pedir a administração da Delphi que englobe nas indemnizações uma hortinha 2 por 3 para cada trabalhador. Com batatinhas, couves e tudo a que têm direito. Nem que seja para não irem comer comida feita por aquele abrenúncio

 
At 6 de maio de 2008 às 22:03, Anonymous Anónimo said...

vergonha qual vergonha lutar por aquilo que se acredita esteja certo ou errado mas por aquilo que se acredita .Gostava de te ver no tempo do salazar para ele te mandar para o ultramar ,o que fazias cobarde emtrega o teu bilhete de identidade nao mereces ser PORTUGUES.

 
At 6 de maio de 2008 às 22:05, Anonymous Anónimo said...

E UMA VERGONHA O QUE SE PASSA NA DELPHI OS DELEGADOS SINDICAIS A SEREM COMPRADOS ISTO É UM CASO DE POLICIA O SENHOR NELSON E COMPANHIA ARMADOS NÃO SÃO HOMENS SÃO SILPLESMENTES UNS COBARDES TENHÃO VERGONHA ENFREMTEM DEEM A CARA SEUS COBARDES JÁ AGORA QUANTO É QUE RECEBEM QUANDO ANDAREM PELA PONTE BAIXEM A CABEÇA

 
At 6 de maio de 2008 às 22:08, Anonymous Anónimo said...

o BURRO O BARRIL É PARA O GT SET,O SECA PIPAS ESTAVA FECHADO ,AS HORTAS NÃO HÁ ,IR AS PUTAS SO SE FOR HÁ AQUELA QUE TENS EM CASA,LOL..LOL..

 
At 6 de maio de 2008 às 22:10, Anonymous Anónimo said...

traidores do mais baixo que pode haver mudem de terra angola é o que está a dar lá tambem há cosinhas

 
At 6 de maio de 2008 às 22:14, Anonymous Anónimo said...

ESSA DOS VELHOS DO RESTELO JA HOUVI ISSO DE ALGUEM ESPERO QUE NAO SEJA A MESMA

 
At 6 de maio de 2008 às 22:44, Anonymous Anónimo said...

FALTA o koppos meu ,esse e só para os vadios ou para o gajo levar o que tem em casa.Agora esta completo

 
At 6 de maio de 2008 às 23:03, Anonymous Anónimo said...

Ó meu, podias ter escrito tudo num comentário só ou pensas que não dá pa ver que és o mesmo que tá a por comentários de 2 em 2 minutos.
Falas muito mas és do que quer é ver o circo arder.
Agora já sei o que segue, vais me chamar nomes e "tentar" ofender.

 
At 6 de maio de 2008 às 23:05, Anonymous Anónimo said...

Esse artista que vem para aqui criticar a malta que está a lutar por uma indemnização digna, de certeza que nunca trabalhou anos inteiros em turnos, nem a temperaturas altissimas como nas prensas e nos insertos, nem engoliu carradas de tinta, desmoldante e outros productos quimicos como nós. Ao fim do mês levamos 800 euritos para governar a família, e agora querem-nos dar 50.000 como esmola para poderem ir explorar para outro lado, a Leste.

Vai ao site www.cga.pt/publicacoes.asp?O=3 - 21k para veres quanto é que por exemplo os professores levam de reforma, seu parasita! E sabes porque é que eles têm ordenados e reformas destas? Se calhar é por nunca fazerem greves!!!

Para directores teimosos e arrogantes só há uma maneira de resposta: LUTAR PELOS MEIOS DISPONIVEIS !
Senão sabem o que este Director de RH tem feito por onde passou, informem-se, ou então calem-se e não critiquem quem luta pelos seus justos direitos!

 
At 7 de maio de 2008 às 17:26, Anonymous Anónimo said...

Cada vez mais continuo a achar que as pessoas de ponte de sor só vivem das aparências, assim como só se preocupam com o que os outros têm ou neste caso da Delphi o que os outros vão levar para casa!
É triste ver pessoas dizer que só levam 800 euritos para casa( 2x salario minimo) a maioria destas pessoas, que, se lhe puzerem uma letra á frente não conseguem decifrar!
O grande problema da maioria dessas pessoas é que antes de trabalhar 8 hrs na Delphi, trabalhavam de sol a sol no campo, ou na IBM (Introdução aos Baldes de Massa) e agora quando forem para o desemprego já têm o lugar ocupado por brasileiros ou ucranianos, que muitos deles tem mais qualificações do que esses ditos trabalhadores.
Apenas relembrar a esses senhores que possivelmente os filhos nesta altura estão a finalizar os estudos superiores, que , se estes ganharem 800 € por mês já é bom, pois hj em dia uma pessoa formada com 17 anos de estudo paga-se o ordenado minimo ou pouco mais!
A maioria dessas ditas pessoas trabalhadoras da delphi que querem mais , e mais ,e mais é pq estão com medo de ir trabalhar para outra empresa e verificarem que afinal o que éra bom éra a Delphi.
Esse trabalhadores que alegam ser tão BOMS com 20 e tal anos de serviço ainda não me conseguem explicar como é que trabalhadores que têm meia duzia de dias na Delphi conseguem fazer as produções pedidas que eles à 20 e tal anos ainda não conseguem Fazer........


Abram os olhos e vejam as noticias em vez das novelas e do futebol, para verificarem quantas empresas fecham sem sequer os trabalhadores receberem os ordenados que têm em atrazo! quanto mais 2,8 meses por cada ano de trabalho!

 
At 8 de maio de 2008 às 21:23, Anonymous Anónimo said...

O cavalgadura le o jornal da ponte ai podes ver quem quer os 2,8

 
At 9 de maio de 2008 às 10:53, Anonymous Anónimo said...

tou aki mal pensava que isto era um lbog para pessoas mas... aki cheira bué de mal. Claro que as pessoas tem o direito de lutar pelos seus interesses são essas mesmas pessoas que passaram uma vida toda a suar para que todos os outros tenham uma boa vida.Mas como o salário é inversamente proporcional ao trabalho esses senhores acham que 8oo euros é um bom ordenado.De certeza que ganham mais. O que acontece na Delphi é que existe um bolo e esse bolo está a ser cortado em fatias quanto menos fatias distribuirem pelos operários mais sobra para os que sempre comeram tudo. Eu falto um dia nota-se muitos (demais)podem faltar uma semana que ninguem nota,Por isso é que eu acho que a Delphi se vai embora, por insolvência não de negócios mas de pessoas eu ganho 800euritos sim (acima da média actual)mas vejo dezenas a ganharem 2 3 4 5 6 vezes mais e que simplesmente são uns grandes produtores de postas de pescada que para apresentar trabalho perante os chefes só lhes resta irem espreitar as pessoas que vão a casa de banho para dizer "demoraste 10 minutos não pode ser"fikem:::

 
At 9 de maio de 2008 às 17:14, Anonymous JustDelphi said...

Atenção pessoal estamos a falar da vida das pessoas que passaram grande parte da sua vida a produzir para estes senhores agora porque carga de agua é que acham que aquilo que ELES acham que é suficiente para compensar uma vida de trabalho realmente o é??? Para alguns senhores a compensação de uma vida de trabalho é menor que 1 ano de trabalho de certos senhores nalguns casos até menos. Sim é fácil jogar com a vida dos outros, nem sequer exitam em MAFIAR as situações para levar a sua avante. Crescam façam-se uns homenzinhos e resolvam de uma vez por todas esta merda ou estão à espera de cabeças perdinas? O caminho é sentar e conversar pelo menos foi o k o meu PAI sempre me ensinou e eu transmiti aos meus filhos. Acho k n é preciso espezinhar ninguem para se conseguir resolver a situação, Isto está contado e dá para todos (desde k ninguem queira ficar com tudo)

 
At 9 de maio de 2008 às 17:16, Anonymous JustDelphi said...

No céu cinzento
Sob o astro mudo
Batendo as asas
Pela noite calada
Vem em bandos
Com pés veludo
Chupar o sangue
Fresco da manada



Se alguém se engana
Com seu ar sisudo
E lhes franqueia
As portas à chegada
Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada
A toda a parte
Chegam os vampiros
Poisam nos prédios
Poisam nas calçadas
Trazem no ventre
Despojos antigos
Mas nada os prende
Às vidas acabadas

São os mordomos
Do universo todo
Senhores à força
Mandadores sem lei
Enchem as tulhas
Bebem vinho novo
Dançam a ronda
No pinhal do rei

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada
No chão do medo
Tombam os vencidos
Ouvem-se os gritos
Na noite abafada
Jazem nos fossos
Vítimas dum credo
E não se esgota
O sangue da manada

Se alguém se engana
Com seu ar sisudo
E lhes franqueia
As portas à chegada
Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Bem velhinho mas SEMPRE actual

 
At 9 de maio de 2008 às 18:06, Anonymous Anónimo said...

APOIADO + E VELHO , MAS ESTA SEMPRE NA MODA

 
At 9 de maio de 2008 às 18:39, Anonymous Anónimo said...

os gajos que foram espulsos do sindicato continuam a reunir com a direcção da fábrica e com o presidente da câmara.
Mas eles já não representam ninguém por isso deviam deixar-se de parvoices.

 
At 9 de maio de 2008 às 22:26, Anonymous Anónimo said...

Acho que errar e humano ,todos erramos sejam homens de letra grande peçam desculpa precipitaram-se agora não sabem como parar basta fazer como o dr. pinto um comunicado ca para fora ,eu ja os conheço tenho a certesa que voltavam atras .So estao a usalos contra os vossos colegas ,quando ja não forem precisos levam ca uma volta ,lembrem-se disto para eles tudo vale ,lembrem-se da primeira pessoa que falou no primeiro plenario, queria tres se nao greve isso ja fazia parte da estrategia , a seguir foram vosses .Como não viram isso , para as empresas e PARA ATINGIR O FIM NAÕ IMPORTA OS MEIOS .mais vos digo eu fiz greve e vou continuar mas não tenho raiva so tenho pena por os estarem a usar contra aqueles que sempre confiaram

 
At 12 de maio de 2008 às 02:58, Anonymous JustDelphi said...

Eu fiz greve e vou voltar a fazer mas... Acho que não podemos entrar mais uma vez em loucuras o pessoal não tem arcaboiço para aguentar uma greve por tempo indeterminado tenho filhos para sustentar e a conta bancaria em baixo mas vamos ver...Quanto aos nossos delegados sindicais quero (muito) acreditar na boa fé deles mas que é estranho é mesmo muito estranho

 
At 13 de maio de 2008 às 20:40, Anonymous Anónimo said...

Bem pior são aqueles que fazem greve e vão entregar as justificações, esses alem de serem cobardes são uns grandes PORCOS e PORCAS, prontos para irem para o matador e para serem servidos no restaurante do Sr. Nelson...

 
At 14 de maio de 2008 às 02:23, Anonymous JustDelphi said...

Fiz greve e vou voltar a fazer detesto isso mas que alternativa tenho eu??? mesmo que possa concordar com a proposta da empresa e assine a porra do papel é só um papel não dá garantias nenhumas. as coisas tem de ficar preto no branco. por um lado a empresa a tentar gastar o menos possivel (são pagos para isso é o trabalho deles) por outro os sindicatos a tentar nem sei bem o quê penso que alguma melhoria na proposta. Mas tambem sei que os sindicatos vivem da polémica e das confusões só assim aparecem na TV e arranjam novos sócios, posto isto tudo na balança qual é a alternativa ?? ficar com a empresa? como? se no final do ano me vão dar um xuto no cu? no lado dos sindicatos? sim mas... atenção ás loucuras ou isto arrasta-se tanto tempo que vamos ficar sem nada. O mais que tardar antes das férias tem de tar tudo preto no branco ou eles apanham as peças feitas dão 1 e tão se cagando para o resto levam um louvor (e DOLARS)dos EUA e nós ficamos na merda.Eu tambem prefiro a proposta da empresa do que levar só 1 mas tambem acho que poderia melhorar um bocadinho porque sempre foi dito que o problema não é dinheiro. Tenho pena dos nossos colegas que até horas e fins de semana fazem.tudo bem precisam de dinheiro e tem medo mas que dificultam o andamento dificultam deviam de repensar as suas ações poi se der para o torto aposto a minha vida em como recebem exactamente o mesmo que eu e vão ver que foram usados e gozados

 
At 14 de maio de 2008 às 14:30, Anonymous سمك القرش said...

Pois é JustDelphi....o que tu tens que ver é os teus colegas que fizeram greve, ao teu lado e que, depois no dia a seguir e no fim de semana a seguir, vieram trabalhar com horas extras e dias de compensação...e tu a perderes dias mas eles antes dos perderem fazem horas e sabados para compensarem depois no final do mês.....que grandes "lutadores" pelos seus direitos....ahahahahah.(é uma no cravo e outra na ferradura)

Assinado:سمك القرش

 
At 14 de maio de 2008 às 18:28, Anonymous Anónimo said...

VER o que eu vi agora , nao tenho duvidas vou fazer greve a primeira vez na minha vida , eu ainda estou penso que sim num pais democratico .se ja não são delegados devem ser ajudantes do pinto pois era velos la agora podem-me explicar porque .

 
At 14 de maio de 2008 às 19:09, Anonymous Anónimo said...

meus tontinhos (isto é para o geral, tanto para os que fazem e para os que não fazem greve, ate para aqueles que entregam justificações) vejam que até o Chico do sindicato vos está a usar, diz o dito pelo não dito e põem as outras pessoas ao barulho, pensem bem na vossa vida, porque eu quando sair dai levo bem a minha parte e já não preciso de aturar cabrão nenhum
é pena pessoas depois de conviverem mais de 25 anos saem zagados uns com os outros, mas têm de pensar que é isso que a fabrica está a planiar e pelos visto está a conseguir...

 
At 14 de maio de 2008 às 21:52, Anonymous Anónimo said...

Como podes dizer que levas ,tens a certesa. eu não tinha tanta certesa,, Cuidado

 
At 14 de maio de 2008 às 21:55, Anonymous Anónimo said...

delphi tristesa trabalhadores uns contra os outros escritorios contra operarios tenham vergonha quando fechar fecha para todos eles vam nós ficamos sem trabalho eles felizes vam ganhar mais daqui por 20anos fazem o mesmo eles ricos nós pobres sindicalistas vira casas vão pedir trabalho á camara tenham vergonha lutem todos juntos penssem nos vossos filhos querem reforma asinem a tal folha e nem desemprego tem abrem os olhos eles tem espriencia de encerrar fabricas 25anos a trabalhar juntos são uns cobardes bonitos o vosso destino é igual aos outros

 
At 14 de maio de 2008 às 22:27, Anonymous Anónimo said...

deves ter a mania que és o saramago. deves ser comuna como ele

 
At 14 de maio de 2008 às 22:28, Anonymous Anónimo said...

deves ter a mania que és o saramago. deves ser comuna como ele

 
At 14 de maio de 2008 às 22:29, Anonymous Anónimo said...

alerta finanças sabados casamentos semana pintura a seguir nomes mas não aqui

 
At 18 de maio de 2008 às 00:18, Anonymous Trabalhador de produção said...

Não sou comunista mas quero agradecer também aos Srs.vereadores do PCP que estiveram conosco á porta da fábrica a dar o seu apoio.
Quero também esclarecer que nós, operários de produção com vinte e tal anos de casa, temos um vencimento de 765 euros por mês e o que estamos a querer negociar é uma compensação de 2 meses por cada ano de serviço, vezes um valor mínimo de 1000 euros (em vez de 765). Aqueles que ganham mais não serão prejudicados apenas queremos mais um pouco para quem ganha menos.
Já agora quero informar todas as pessoas que não conhecem a realidade do trabalho nesta fábrica,
que nós trabalhamos no sector químico, há muitos anos que respiramos solventes de tintas, antigamente nem máscaras usavamos,
respiramos reagentes de cianetos para fazermos volantes, antigamente nem exaustão havia,
fazemos borracha misturando oleos a balde com enxofre á pazada e muitos outros produtos perigosos, sabemos agora que a maior parte é classificado como cancerígena e não lhes podemos tocar com as mãos ou respirar o seu vapor,
limpavamos perfis de portas com panos enxarcados em etanol, sabemos agora que aquele produto dilui o sangue e provoca vários tipos de leucemia,
para terminar lembro que faziamos 90% dos calços de travão utilizados na Europa, deixamos de os fazer porque o produto que utilizavamos (asbesto) era tão perigoso e cancerígena que foi proibido no mundo inteiro.
Em memória daqueles que já faleceram, em respeito daqueles que já combateram doenças e pela dignidade com que teremos de enfrentar os eventuais problemas de saúde que vão surgir daqui as uns anos,
DEVEMOS LUTAR POR UMA NEGOCIAÇÃO JUSTA.
Á POPULAÇÃO DE PONTE DE SOR QUERO DIZER: "NÃO JULGUEM QUE VAMOS FICAR RICOS COM 40 mil euros, pois isso desaparece num instante se tivermos o azar duma doença por causa dos produtos com que trabalhamos á mais de 2 décadas.
SEJAM SOLIDÁRIOS CONOSCO,
OBRIGADO

 
At 4 de fevereiro de 2009 às 22:18, Anonymous Anónimo said...

eh! phoda

 

Enviar um comentário

<< Home